Archive for janeiro, 2010


A história das coisas

Anúncios

MANTRA:

<O “TER” É CONSEQUÊNCIA DO “SER”>

“Não peço riquezas nem esperanças, nem amor, nem um amigo que me compreenda. Tudo o que eu peço é um céu sobre mim e um caminho a meus pés.” – Stevenson

“A glória da amizade não é a mão estendida, nem o sorriso carinhoso, nem mesmo a delícia da companhia.

É a inspiração espiritual que vem quando você descobre que alguém acredita e confia em você.”

“Se eu pudesse deixar algum presente a você, deixaria aceso o sentimento de amor à vida dos seres humanos. A consciência de aprender tudo o que nos foi ensinado pelo tempo afora.

Lembraria os erros que foram cometidos, como sinais para que não mais se repetissem. A capacidade de escolher novos rumos. Deixaria para você, se pudesse, o respeito aquilo que é indispensável: alem do pão, o trabalho e a ação. E, quando tudo mais faltasse, para você eu deixaria, se pudesse, um segredo. O de buscar no interior de si mesmo a resposta para encontrar a saída.”

Mahatma Ghandi

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:NADA É IMPOSSÍVEL…TRANSFORME A SUA REALIDADE.

A dança das abelhas

Somos aquilo que sentimos e percebemos. Se estamos zangados,

somos a raiva. Se estamos apaixonados, somos o amor.

Se contemplamos um pico nevado, somos a montanha.

Ao assistir a um programa de televisão de baixa qualidade,

somos o programa de televisão. Enquanto sonhamos, somos o sonho.

Podemos ser qualquer coisa que quisermos, mesmo sem uma varinha mágica.

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:POR UM MUNDO MELHOR(FAÇA A SUA PARTE)

SÓ POR HOJE…RESPEITE E AME TODOS OS SERES VIVOS

SÓ POR HOJE…AGRADEÇA AS GRAÇAS QUE RECEBE

SÓ POR HOJE… TRABALHE HONESTAMENTE

SÓ POR HOJE… NÃO SINTA RAIVA

SÓ POR HOJE…NÃO JULGUE SEU SEMELHANTE

SÓ POR HOJE…PROCURE FICAR EM SILÊNCIO,OU APENAS VERBALIZE PALAVRAS POSITIVAS.

SÓ POR HOJE…PROCURE ESTAR EM PAZ COM VC MESMO.

SÓ POR HOJE…NÃO SE PREOCUPE EM DESTRUIR O MAL E SIM CONTRUIR O BEM.

ABISMOS ATRAEM ABISMOS,FLORES ATRAEM FLORES E O PRÓPIO MAL CONSOME A SI MESMO.

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:SEGUIR EM FRENTE E NUNCA DESISTIR!

“É NA DERROTA QUE APRENDEMOS AS MAIORES LIÇÕES E NOS FORTALECEMOS PRA VENCER”

por: Silvia Schmidt

a vida é escola e não campo de batalha…

V E N C E R

é aceitar que derrotas existem para serem

aceitas como ensinadoras experiências;

é aprender com elas que de cada queda é possível levantar;

é levantar consciente de que úteis lições foram aprendidas;

é aproveitar as lições a ponto de não mais cometer os mesmos erros;

é encontrar nos erros cometidos os pontos que os fortaleceram;

é fortalecer-se com esses pontos e transformá-los em pontos de acertos;

é tratar os acertos como sementes para colheita de vitórias;

é olhar as vitórias com a mesma humildade com que se fala com Deus;

é falar com Deus com reverente gratidão pelas capacidades de errar e de acertar;

é dominar com destreza a arte de saber perder;

é tratar-se e curar-se da perda como quem trata e cura cicatrizável ferida;

é saber que a Vida é escola e não campo de batalha;

é ver-se no fundo do poço já planejando a subida!

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:RESPEITE E VALORIZE SEUS ANCESTRAIS

Você já se encantou alguma vez com coisas simples?

Com a água q cai, límpida e transparente,

Com a planta de mil folhas, onde se escondem os vasos condutores da seiva, nos traços mais perfeitos.

Com o mar, na sua imensidão, suas tonalidades esverdeadas e a luz beijando a superfície no vai-e-vem.

Com o inseto minúsculo, camuflando o seu pequeno sistema de vida, com asas desenhadas pelo pintor perfeito.

Com o sol longínquo, a abraçar seu corpo ofertando poderosa energia em toda a extensão.

Com a inocência da criança, q acredita q o mundo já é perfeito, distribuindo o sorriso sincero e a confiança permanente.

Com a fidelidade dos animais domésticos.

Com a diversidade de raças, rostos e cores q dão vida ao planeta.

Com as cores do arco-íris q se confundem e ao mesmo tempo são distintas.

Com a risada sincera e desembaraçada q limpa a alma e o coração.

Com os alimentos, na sua multiplicidade de cores e sabores q saciam a fome e mantêm as energias das células, sustentando a vida.

Com as montanhas, em múltiplas e sucessivas camadas, sumindo no horizonte.

Com a alegria que brota dos corações, entre amigos sinceros.

Com a inteligência dos homens, q a cada segundo é superada por novas e úteis descobertas.

Com o poder do pensamento, q transforma tudo em realidade.

Enfim, você já se encantou alguma vez com coisas simples como um gesto sincero, sem disfarce?

Com o olhar seguro, sem desvio?

Com o toque suave, com energia?

Com o pensamento puro, sem hipocrisia?

Não precisa muito esforço para perceber essas belezas com q a natureza enfeita nossos caminhos diários.

Vale a pena se deixar encantar com as coisas simples que estão ao nosso redor.

Pois a luz infinita de sabedoria e de amor,criou tudo q nossos olhos podem ver e alcançar,e criou com amor e por amor,então tudo que olhamos,em especial, as coisas mais simples,são feitas de amor,até mesmo nós,viemos a esta dimensão pelo ato de amor de nossos pais.

Viva e deixe viver!

NAMASTÊ

MANTRA:VERBALIZANDO PALAVRAS POSITIVAS

O PODER DE UM “EU POSSO,EU QUERO,EU CONSIGO”

O PODER DE UM “EU TE AMO”

O PODER DE UM “EU SOU A PAZ,A HARMONIA,A TRANQUILIDADE,O AMOR E O EQUILÍBRIO”…

A Força da Palavra

Lauro Kisielewicz

A palavra tem uma força descomunal…

contém uma energia, sobrenatural…

Tanto agride e desconcerta

quanto consola na hora certa…

Mal usada desencaminha e destrói

Bem aplicada, orienta e reconstrói…

precipitada, magoa e ofende

refletida, é escudo que defende…

Pode muito mais do que se imagina,

Deprime, mas acaba com a rotina;

Desfaz crenças e desperta a Fé;

Desencaminha e também orienta;

Liberta, aprisiona, apascenta…

Propala engodo, mostra verdade…

Expressa ódio, indiferença, calor

Liberando a energia nela contida

podemos modificar nossa vida,

externando positivamente

de forma clara e consistente

que queremos, podemos e devemos

Viver em Paz e com Amor!

Crendo, realizar-se-á,

Pela força que na Palavra há!

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:REENCONTRO

Da angústia em que me encontrava, fiz estrada,

caminho novo com novos pensamentos,

onde eu duvidava, acreditei,

onde eu não enxergava, pude ver,

e no meio da noite escura, eu acordei,

e renovei a minha vida, pensando em você.

Na imensa tempestade, o meu barco virou,

na difícil caminhada, meu peito cansou,

no meio da neve, meu pé congelou,

e com o coração partido, meu dia se apagou,

mas no meio de tanta turbulência,

eu renovei o pensamento, encontrando você.

Assim, quando eu pensei que era o fim, foi começo,

quando não via mais saída, era apenas a largada,

e quando pensei que era morte, era vida renovada,

e quando senti mais medo e tudo era escuro,

eu pude Te sentir e ver uma grande luz,

e hoje eu posso dizer, que sou feliz,

porque te encontrei,DEUS que habita dentro de mim.

*PAZ,HARMONIA,TRANQUILIDADE,AMOR E EQUILÍBRIO(PHATAE)

MIGUEL COSTA

MANTRA:

“ENXERGAR O LADO POSITIVO DE CADA SITUAÇÃO”

O verdadeiro sentido da vida

É ter a impressão que se tem tudo,

mesmo quando falta muito.

É ter esperança mesmo quando a tristeza

insiste em nos alcançar.

É saber a hora de parar

e escolher outros caminhos.

É tentar conhecer um pouco de você.

E expandir tudo que você tem de bom.

É enfrentar as lágrimas,

e, delas buscar um sorriso.

E acreditar que tudo pode acontecer.

E cada experiência é única

E cada amanhecer é mágico.

Te Desejo Nesta Semana…

Paciência para as dificuldades

Tolerância para as diferenças

Benevolência para os equívocos

Misericórdia para os erros

Perdão para as ofensas

Equilíbrio para os desejos

Sensatez para as escolhas

Sensibilidade para os olhos

Delicadezas para as palavras

Coragem para as provas

Fé para as conquistas

E amor para todas as ocasiões…

MANTRA:SERVIR MAIS E CADA VEZ MELHOR

Servir é fazer o que você ama por amor.

Este é o trabalho mais rico que existe.

Servir é o multiplicador divino. Quando você serve,

doando seu tempo, sua energia e seus recursos como um ato de amor,

o universo multiplicará o que você faz e suas recompensas

serão muito maiores do que poderia esperar.

Quando nos entregamos à paixão que amamos,

estamos servindo à humanidade e ao Divino.

É possível que você nunca venha saber como o seu trabalho

e as contribuições feitas por você em nome do amor

ajudaram as pessoas. Mas quando você presta um serviço,

esse não é o seu principal objetivo.

Você faz o que faz porque ama fazê-lo.

E o amor é uma energia que, mesmo de uma forma misteriosa,

afeta o mundo e o transforma.

Faça aquilo que você ama! Faça-o com paixão! Compreenda que,

estará trazendo uma valiosa contribuição a si mesmo.

Ao servir e doar ao multiplicador universal,

você receberá recompensas e suas necessidades serão supridas.

SERVIR é um ato de amor.

SERVIR é uma dádiva para o mundo.

SIRVA àqueles que precisam, como ferramenta de paciência, cura e amor.

Agradeça pelo dom da vida do qual é possível SERVIR.

Não se esqueça disso e viva feliz.

*PAZ,HARMONIA,TRANQUILIDADE,AMOR E EQUILÍBRIO(PHATAE)

MIGUEL COSTA

MANTRA:BUSQUE O MELHOR QUE HABITA EM VC.

Ser forte de maneira que nada possa perturbar

a sua paz de espírito.

Falar de saúde, felicidade e prosperidade

a toda pessoa que encontrar.

Fazer os amigos sentirem que há alguma coisa

de superior dentro deles.

Olhar para o lado glorioso de todas as coisas e fazer

com que o otimismo se torne uma realidade.

Pensar sempre no melhor, trabalhar sempre

pelo melhor e esperar somente o melhor.

Esquecer os erros passados e preparar-se

para melhores realizações no futuro.

Ter tanto entusiasmo e interesse pelo sucesso

alheio como pelo próprio.

Dedicar tanto tempo ao próprio aperfeiçoamento

que não lhe sobre tempo para criticar os outros.

Fazer um bom juízo de si mesmo e proclamar este fato ao mundo, não em altas vozes, mas em grandes feitos.

Viver na certeza de que o mundo estará a seu lado,

enquanto lhe dedicar o que há de melhor em si mesmo.

*PAZ,HARMONIA,TRANQUILIDADE,AMOR E EQUILÍBRIO.(PHATAE)

LUZ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:QUEM NUNCA ERROU QUE ATIRE A PRIMEIRA PEDRA…

PRECE INDÍGENA

Diz uma prece indígena: “Deixem-me seguir as pegadas do meu inimigo por três semanas, carregar o mesmo fardo e passar pelas mesmas provações que ele, antes de dizer uma só palavra de desaprovação à sua conduta”.

São palavras que encerram uma profunda sabedoria. Julgar o procedimento alheio, sem antes procurarmos entender os motivos que o levaram a agir assim, é o caminho mais fácil, porém é também o que mais nos leva a cometer injustiças.

Sempre esperamos que os outros entendam nossas motivações e quando não o fazem nos sentimos injustiçados.

Mas será que nós procuramos sempre entender as razões alheias? Será que, ao menos por um instante, seríamos capazes de tentar imaginar como agiríamos se estivéssemos no lugar da outra pessoa?

Poucos de nós ao menos tentam.

Mas, a maioria de nós não hesita em desaprovar tudo que esteja contrariando aquilo que considera “certo”.

Experimente, ao menos uma vez, carregar o fardo do inimigo.

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

MANTRA:APRENDA A RIR DE SI MESMO!

Palhaço

Tal qual o palhaço,

vive também o poeta.

Dois artistas da vida

que fazem sorrir e sonhar.

e muitas vezes, atrás do sorriso

e dos sonhos, chora sua alma

a dor da saudade, do desamor,

da solidão.

Como Poeta, me fiz em Palhaço

pintando de luzes palavras de Amor,

fazendo sonhar os enamorados.

Como Palhaço me fiz um Poeta

versejando alegria, declamando sorrisos

provocando o burburinho

de francos risos.

Como Palhaço, declamei sorrisos,

plantei sementes de alegria em corações endurecidos,

esqueci-me da dor que em minh’alma se aninha..

Como Poeta, pintei emoções, fiz

sonhar os apaixonados, dei asas à emoção,

esqueci-me por momentos, a dor da saudade,

vivendo a inspiração do Palhaço e do Poeta.

Sou como o Poeta,

Sou como o Palhaço,

Artistas que fazem do dia a dia,

O palco de sua vida..!!

(Thais S. Francisco)

A todos que não são palhaços e nem poetas,que independem de palco e que fazem a alegria brotar, não deixando

a tristeza em suas vidas se instalar.

NAMASTÊ

MANTRA:

NECESSIDADE E DESEJO

Na Vida, não Vale tanto o que Temos.

Nem tanto Importa o que Somos.

Vale o que Realizamos, com aquilo que Possuímos.

E acima de tudo Importa,

O que Fazemos de Nós.

(Emmanuel – Chico Xavier)

namastê,

MIGUEL COSTA

*EM MOVIMENTO, EVOLUÍNDO,TRANSFORMANDO!

rompendo os véus de maya e aprendendo a viver.

Letícia Thompson

A ilusão é como aquele presente que chega enrolado num papel bem bonito, às vezes tanto que nem queremos abrir por medo, talvez, justamente de saber o que vem dentro.

Não buscamos ser enganados cientemente, mais inconscientemente desejamos que tudo o que é feio, mal, que faz mal, que decepciona, que fere fique em algum lugar longe do nosso alcance. Fechamos então os olhos a certas coisas e preferimos viver na ilusão de que tudo vai bem. Quantas pessoas não vivem assim a vida inteira de olhos fechados?

O mundo não é um campo florido sem espinhos e em muitas ocasiões, particularmente ante o desconhecido, precisamos abrir nós mesmos o caminho para uma vida plena. E o que é uma vida plena? É a vida cheia da maturidade e do conhecimento do bem e do mal e a faculdade de poder fazer uma escolha.

O desconhecimento do mal não diminui nosso sofrimento, apenas encobre-o e dá-nos a ilusão de que tudo vai bem. É como estar doente e preferir ignorar, o tratamento não vem e menos ainda a cura ou a possibilidade dela.

Pessoas mentem-se porque não têm coragem o bastante para encarar a realidade, enfrentá-la e passar por cima dela. Muitos vivem de falsas felicidades, máscaras que preferem colocar diante dos outros e que somente nos momentos mais profundos de se estar consigo mesmos é que tiram e não podem impedir que as lágrimas corram. Nessas horas são verdadeiras, feridas certamente, mas vivas e reais.

É a maneira de encarar o mundo que diferencia os que chamamos de fracos e fortes. Os primeiros mentem-se e seguem assim e os segundos abrem essa embalagem bonita, decepcionam-se com o que encontram e se dizem que ainda assim construirão alguma coisa…

porque viver é experimentar a vida nos seus pormenores, provar do doce e do amargo e ter no coração a certeza de que as verdades, mesmo doloridas, nos tornam mais fortes e nos condicionam a buscar o que há de melhor em nós.

Em tempos de crise como o nosso, procuramos fontes de inspiração lá onde estiverem. Uma delas é a ecologia interior. Para avaliar sua relevância precisamos conscientizar o fato de que nossa relação para com a Terra, pelo menos nos últimos séculos, está baseada em falsas premissas éticas e espirituais: antropocentrismo, negação do valo intrínseco de cada ser, dominação da Terra, depredação de seus recursos. Tais premissas produziram o atual estado doentio da Terra que repercute na psiqué humana.

Assim como existe uma ecologia exterior, existe também ecologia interior feita de solidariedade, sentimento de re-ligação com o todo, cuidado e amorização. Ambas as ecologias estão ligadas umbilicalmente. É o que se chama de psicologia ambiental ou, na expressão de E. Wilson, de biofilia. Sua base não é só antropológica mas também cosmológica. Pois o próprio universo, segundo renomados astrofísicos como Brian Swimme entre outros, teria uma profundidade espiritual. Ele não é feito do conjunto dos objetos mas da teia de relações entre eles, fazendo-os sujeitos que trocam entre si informações e se enriquecem.

A partir da ecologia interior, a Terra, o sol, a lua, as árvores, as montanhas e os animais não estão apenas ai fora, mas vivem em nós como figuras e símbolos carregados de emoção. As experiências benfazejas ou traumáticas que tivermos feito com estas realidades deixaram marcas profundas na psiqué. Isso explica a aversão a algum ser ou afinidade com outro.

É essa profundidade espiritual que nos faz entender, por exemplo, esta exemplar atitude ecológica dos indígenas Sioux dos EUA. Eles se deleitam, em algumas festas rituais, com certo tipo de feijão. Este cresce fundo no solo e é de difícil coleta. Que fazem os Sioux? Aproveitam-se então dos estoques que uma espécie de rato das pradarias da região faz para seu consumo no inverno. Sem essa reserva correriam sério risco de morrer de fome. Ao tomar seus feijões, os indígenas Sioux têm clara consciência de que estão rompendo a solidariedade com o irmão rato e que o estão roubando. Por isso, fazem comovente oração: “Tu, ratinho, que és sagrado, tenha misericórdia de mim. Tu és, sim, fraco, mas forte suficiente para fazeres o teu trabalho, pois forças sagradas se comunicam contigo. Tu és também sábio, pois a sabedoria das forças sagradas sempre te acompanham. Que eu possa ser também sábio em meu coração para que esta vida sombria e confusa seja transformada em permanente luz”. E como sinal de solidariedade, ao retirar o feijão, deixam em seu lugar porções de toucinho e de milho. Os Sioux sentem-se unidos espiritualmente aos ratos e à toda a natureza.

Este espírito de mútua pertença urge ressuscitar porque o perdemos pelo excesso de individualismo e de competição que subjazem à crise atual.

O sistema imperante exaspera o desejo de ter à custa de outro mais fundamental que é o de ser e o de elaborar a nossa própria singularidade. Este demanda capacidade de opôr-se aos valores dominantes e de viver ideais ligados à vida, ao seu cuidado, à amizade e ao amor.

A ecologia interior também chamada de ecologia profunda (deep ecology), procura acordar o xamã que se esconde dentro de cada um de nós. Como todo xamã, podemos entrar em diálogo com as energias que trabalham na construção do universo há 13,7 bilhões de anos.

Sem uma revolução espiritual será difícil sairmos da atual crise que exige um novo acordo com a vida e com a Terra. Caso contrário, seguiremos errantes e solitários.

LEONARDO BOFF

Todos em guerra contra Gaia

O cataclismo econômico-financeiro, fruto de avidez e de mentiras, esconde um via-sacra de sofrimento para milhões de pessoas que perderam suas economias, suas casas e seus postos de trabalho. Quem fala deles? Os verdadeiros culpados se reúnem mais para salvaguardar ou corrigir o sistema que lhes garante hegemonia sobre os demais atores do que para encontrar caminhos com características de racionalidade, cooperação e compaixão para com as vitimas e para com toda a humanidade.

Esta crise traz à luz outras crises que, quais espadas de Dâmocles, estão pesando sobre a cabeça de todos: a climática, a energética, a alimentária e outras. Todas elas remetem para a crise do paradigma dominante. A situação de caos generalizado suscita questões metafísicas sobre o sentido do ser humano no conjunto dos seres em evolução. Neste momento silenciam os pós-modernos com o seu every thing goes. Queiram eles ou não, há coisas que têm que valer, há sentidos que devem ser preservados, caso contrario nos enchafurdamos no mais reles cinismo, expressão de profundo desprezo pela vida.

Já há tempos que pensadores como Teilhard de Chardin ou René Girard notaram certo excesso de maldade no caminho da evolução consciente. Cito um pensamento de Girard, estudioso da violência, quando esteve entre nós em 1990 dialogando com teólogos da libertação:”Tudo parece provar que as forças geradoras da violência neste mundo, por razões misteriosas que eu tento compreender, num certo nível são mais poderosas que a harmonia e a unidade. Este é o aspecto sempre presente do pecado original, enquanto, para alem de qualquer concepção mítica, representa um nome para a violência na história”. Não há por que rejeitar este sombrio veredito. Somente o pensamento da esperança contra toda a esperança, da compaixão e da utopia nos oferece com um pouco de luz.

Mesmo assim, há que conviver com a sombra de que somos seres com imensa capacidade de auto-destruição, até o último homem. Há anos uma pesquisa alemã sobre as guerras na história da humanidade, citada por Michel Serres em seu último livro Guerre mondiale (2008), chegava aos seguintes dados: de três mil anos antes de nossa era até o presente momento, três bilhões e oitocentos milhões de seres humanos teriam sido chacinados, muitos deles em guerras de total extermínio. Só no século XX foram mortas duzentas milhões de pessoas. Como não se questionar, honestamente, sobre a natureza deste ser complexo, contraditório, anjo bom e satã da Terra que é o ser humano?

Hoje vivemos uma situação absolutamente inédita. É a guerra coletiva contra Gaia. Até a introdução da guerra total por Hitler (totaler Krieg), as guerras possuíam seu ritual: eram entre exércitos. Depois passaram a ser entre nações e entre povos: era a guerra de todos contra todos. Hoje ela se radicalizou: é a guerra de todos contra o mundo, contra o planeta Gaia (bellum omnium contra Terram). Pois é isso que está implicado em nosso paradigma civilizacional que se propôs explorar e sugar, com violência tecnológica, a totalidade dos recursos do planeta Terra. Com efeito, atacamos a Terra em todas as suas frentes, nos solos, nos subsolos, nos ares, nas florestas, nas águas, nos oceanos, no espaço exterior. Qual é o canto da Terra que não seja objeto de conquista e de dominação por parte do ser humano?

Há feridas e sangue por todas as partes, sangue e feridas de nossa Mãe Terra. Ela geme e se contorce nos terremotos, nos tsunamis, nos ciclones, nas enchentes devastadoras em Santa Catarina e nas secas terrificantes do Nordeste. São sinais que ela nos está enviando. Cabe interpretá-los e mudar a nossa conduta. Esta guerra não será ganha por nós. Gaia é paciente e com capacidade imensa de agüente. Como fez com tantas outras espécies no passado, oxalá não decida livrar-se da nossa, nas próximas gerações.

Não nos basta o sonho do filósofo Kant da paz perpétua entre todos os povos. Precisamos com urgência fazer um pacto de paz perene de todos com a Terra. Já a atormentamos demasiadamente. Importa pensar-lhe as feridas e cuidar de sua saúde. Só então Terra e Humanidade teremos um destino minimamente garantido.

MENSAGENS E ORAÇÕES

Código dos Indígenas Americanos

(Extraído do Livro de Robert Wong : “O Sucesso está no Eqüilíbrio”)

– Levante com o Sol para orar.Ore sozinho .Ore com freqüência.

O Grande Espírito o escutará se você ao menos,falar.

– Seja tolerante com aqueles que estão perdidos no caminho.

A ignorância, o convencimento, a raiva, o ciúme e a avareza originam-se de uma alma perdida.

Ore para que eles encontrem o caminho do Grande Espírito.

– Procure conhecer-se, por si próprio.

Não permita que outros façam seu caminho por você.

É sua estrada e somente sua. Outros podem andar ao seu lado, mas ninguém pode andar por você.

– Trate os convidados em seu lar com muita consideração.

Sirva-os o melhor alimento, a melhor cama e trate-os com respeito e honra.

– Não tome o que não é seu.

Seja de uma pessoa, da comunidade, da natureza ou da cultura. Se não foi ganho nem foi dado, não é seu.

– Respeite todas as coisas que foram colocadas sobre a Terra. Sejam elas pessoas, plantas ou animais.

– Respeite os pensamentos, os desejos e as palavras das pessoas.

Nunca interrompa os outros nem ridicularize, nem rudemente os imite.

Permita a cada pessoa o direito de expressão pessoal.

– Nunca fale dos outros de uma maneira má.

A energia negativa que você coloca para fora, no Universo, voltará multiplicada a você.

– Todos as pessoas cometem erros. E todos os erros podem ser perdoados.

– Pensamentos maus causam doenças da mente, do corpo e do espírito. Pratique o otimismo.

– A Natureza não é para nós, ela é parte de nós.

Toda a natureza faz parte da nossa família Terrena.

(continuação)

– As crianças são as sementes do nosso futuro.

Plante amor nos seus corações e ágüe com sabedoria e lição de vida. Quando estiverem crescendo, dê-lhes espaço para que cresçam.

– Evite machucar os corações das pessoas.

O veneno da dor causada a outros, retornará a você.

– Seja sincero e verdadeiro em todas as situações.

A honestidade é o grande teste para a nossa herança do Universo.

– Mantenha-se equilibrado.

Seu mental, seu espiritual, seu emocional e seu físico, todos necessitam ser fortes , puros e saudáveis.

Trabalhe o seu físico para fortalecer a sua mente.

Enriqueça o seu espírito para curar o seu emocional.

– Tome decisões conscientes de como você será e como reagirá. Seja responsável por suas próprias ações.

– Respeite a privacidade e o espaço pessoal dos outros.

Não toque as propriedades pessoais de outras pessoas, especialmente objetos religiosos e sagrados. Isso é proibido.

– Comece sendo verdadeiro consigo mesmo.

Se você não puder nutrir e ajudar a si mesmo, você não poderá nutrir e ajudar os outros.

– Respeite outras crenças religiosas.

Não force suas crenças sobre os outros.

– Compartilhe sua boa fortuna com os outros. Participe com caridade.

ॐ_

Dez passos para se amar

(Extraído do Livro Criando uma Abordagem Positiva-Louise Hay)

1.Parem com toda a crítica – A crítica nunca muda coisa alguma. Recusem criticar-se. Aceitem-se exatamente como vocês são. Todos mudam. Quando vocês se criticam, suas mudanças são negativas. Quando se aprovam, suas mudanças são positivas.

2.Não se alarmem – Parem de se aterrorizar com seus pensamentos. Encontrem uma imagem mental que lhes dê prazer e imediatamente desviem os seus pensamentos para algo agradável.

3.Sejam gentis, bondosos e pacientes – tratem-se com paciência, gentileza e bondade. Tratem-se como fariam com alguém a quem amassem.

4.Sejam gentis com sua mente – Odiar-se é somente odiar os seus próprios pensamentos. Mudem gentilmente os seus pensamentos para pensamentos mais amorosos.

5.Elogiem-se – A autocrítica deprime o espírito interior. A exaltação o edifica. Afirmem a vocês mesmos como é apropriado o que estão fazendo com tudo.

6.Apoiem-se – Aproximem-se dos amigos e permitam com que eles os ajudem. Ser forte é pedir por ajuda quando mais precisam.

7.Sejam amorosos com seus pontos negativos – Reconheçam que os criaram para satisfazer uma necessidade. Agora estão encontrando novas maneiras positivas de preencherem estas necessidades. Liberem os velhos padrões.

8.Cuidem do seu corpo – Aprendam sobre nutrição. O que o seu corpo necessita para ter a energia e a vitalidade ideal? Aprendam sobre exercícios. Estimem o templo em que vocês vivem.

9.Trabalho do Espelho – Olhem dentro dos seus olhos freqüentemente. Expressem o sentido crescente do amor que sentem por vocês mesmos. 9.Perdoem-se por tudo, enquanto se fitam no espelho. Uma vez ao dia digam, “Eu amo você” para vocês mesmos no espelho.

10.Façam-no Agora – Não esperem até que vocês fiquem bem, percam peso ou recebam um novo emprego. Comecem agora, façam o melhor que puderem

DESIDERATA

(Encontrado na velha Igreja de Saint Paul, Baltimore, datado de 1692)

(Do Latim desideratu: aquilo que se deseja, aspiração)

“Vá placidamente por entre o barulho e a pressa e lembre-se da paz que pode haver no silêncio. Tanto quanto possível, sem capitular, esteja de bem com todas as pessoas. Fale a sua verdade calma e claramente; e escute os outros, mesmo os estúpidos e ignorantes; também eles têm sua história. Evite pessoas barulhentas e agressivas. Elas são tormento para o espírito. Se você se comparar a outros, pode tornar-se vaidoso e amargo; porque sempre haverá pessoas superiores e inferiores a você. Desfrute suas conquistas assim como seus planos. Mantenha-se interessado em sua própria carreira, mesmo que humilde; é o que realmente se possui na sorte incerta dos tempos. Exercite a cautela nos negócios; porque o mundo é cheio de artifícios. Mas não deixe que isso o torne cego à virtude que existe; muitas pessoas lutam por altos ideais; e por toda parte a vida é cheia de heroísmo. Seja você mesmo. Principalmente não finja afeição, nem seja cínico sobre o amor; porque em face de toda aridez e desencantamento ele é perene como a grama. Aceite gentilmente o conselho dos anos, renunciando com benevolência às coisas da juventude. Cultive a força do espírito para proteger-se num infortúnio inesperado. Mas não se desgaste com temores imaginários. Muitos medos nascem da fadiga e da solidão. Acima de uma benéfica disciplina, seja bondoso consigo mesmo. Você é filho do Universo, não menos que as árvores e as estrelas. Você tem o direito de estar aqui. E, quer seja claro ou não para você, sem dúvida o Universo se desenrola como deveria. Portanto, esteja em paz com Deus, qualquer que seja sua forma de concebê-lo e seja qual for a sua lida e suas aspirações, na barulhenta confusão da vida, mantenha-se em paz com a sua alma.Com todos os enganos, penas e sonhos desfeitos, este é ainda um mundo maravilhoso. Esteja atento. Empenhe-se em ser feliz!

12/08/07 excluir

MIGUEL COSTA ॐ_

“Se todos na Terra reconhecerem a beleza como bela,

desta forma já se pressupõe a feiúra.

Se todos na Terra reconhecerem o bem como bem,

deste modo já se pressupõe o mal.

Porque se e não-ser geramam-se mutuamente.

O fácil e o difícil se complementam.

O longo e o curto se definem um ao outro.

O alto e o baixo convivem um com o outro.

A voz e o som casaram-se um com o outro.

O antes e o depois se seguem mutuamente.

Assim também o Sábio:

permanece na ação sem agir,

ensina sem nada dizer.

A todos os seres que o procuram

ele não se nega.

Ele cria, e ainda assim nada tem.

Age e não guarda coisa alguma.

Realiza a obra,

não se apega a ela.

E, justamente por não se apegar,

não é abandonado.”

Você já se encantou alguma vez com coisas simples?

Com a água q cai, límpida e transparente, tocando sua pele com carinho, deixando-a aveludada e perfumada.

Com a planta de mil folhas, onde se escondem os vasos condutores da seiva, nos traços mais perfeitos.

Com o mar, na sua imensidão, suas tonalidades esverdeadas e a luz beijando a superfície no vai-e-vem.

Com o inseto minúsculo, camuflando o seu pequeno sistema de vida, com asas desenhadas pelo pintor perfeito.

Com o sol longínquo, a abraçar seu corpo ofertando poderosa energia em toda a extensão.

Com a inocência da criança, q acredita q o mundo já é perfeito, distribuindo o sorriso sincero e a confiança permanente.

Com a fidelidade dos animais domésticos.

Com a diversidade de raças, rostos e cores q dão vida ao planeta.

Com as cores do arco-íris q se confundem e ao mesmo tempo são distintas.

Com a risada sincera e desembaraçada q limpa a alma e o coração.

Com os alimentos, na sua multiplicidade de cores e sabores q saciam a fome e mantêm as energias das células, sustentando a vida.

Com as montanhas, em múltiplas e sucessivas camadas, sumindo no horizonte.

Com a alegria que brota dos corações, entre amigos sinceros.

Com a inteligência dos homens, q a cada segundo é superada por novas e úteis descobertas.

Com o poder do pensamento, q transforma tudo em realidade.

Enfim, você já se encantou alguma vez com coisas simples como um gesto sincero, sem disfarce?

Com o olhar seguro, sem desvio?

Com o toque suave, com energia?

Com o pensamento puro, sem hipocrisia?

Não precisa muito esforço para perceber essas belezas com q a natureza enfeita nossos caminhos diários.

Vale a pena se deixar encantar com as coisas simples que estão ao nosso redor.

Pois a luz infinita de sabedoria e de amor,criou tudo q nossos olhos podem ver e alcançar,e criou com amor e por amor,então tudo que olhamos,em especial, as coisas mais simples,são feitas de amor,até mesmo nós,viemos a esta dimensão pelo ato de amor de nossos pais.

Viva e deixe viver

ORAÇÃO DE UM REIKIANO

Deus, meu Deus!

Ofereço minhas mãos para que a luz se faça

e dissipe a escuridão,

para que minha vida retorne à plenitude

na obra eterna do amor.

Ofereço minha humildade

reconhecendo que sou parte

entre a Fonte inesgotável

e o ser que reivindica o direito

de reconectar com a força universal.

Ofereço meu silêncio

em respeito a todos os sons

que atuam no acto de harmonização

e faço uso da palavra,

sempre que se abre para dignificar

a sublime missão de reconstruir.

Deus, meu Deus,

fortalecei os meus propósitos

e minhas certezas de trilhar esse caminho

distribuindo a alegria de meu sol interno,

vivendo a cada novo dia o prazer de experienciar

os 5 Princípios do ser feliz

e saber que HOJE é a porta de entrada

para todos os tempos.

energias negativas…como evitá-las?

Não é fácil,por que o esforço é muito pessoal…tudo depende da afinidade com seus gostos,atitudes,ambientes etc…Exemplo:Digamos que vc se droga e vive em meio aos infratores.A energia gerada por eles é péssima,por que são vampirizados por espiritos afins com seus desejos.Imagine um local de meditação,paz.Nenhum deles irá procurar este ambiente para se alojar.A menos que tenham se arrependido,e exista o desejo sincero de mudar.A repulsa dá-se pela diferença dos gostos.O mesmo acontece também com pensamentos,que atraem simpatizantes para perto de vc.é a Lei da afinidade.Para se livrar das energias ruins,vc tem que fazer as suas escolhas.Não se afastar necessariamente do seu meio,mas evitar aquilo que não irá acrescentar.o que chamamos de “energia destrutiva”.realmente não é facil…ás vezes possuímos vínculos emocionais que nos amarram à pessoas,circunstâncias e ambientes,mas é preciso se desapegar,mudar,transformar…renunciar,policiar-se,para

poder seguir em frente,evoluir e se realizar.

namastê,

MIGUEL COSTA

NAMASTÊ

A palavra Namaste (pronuncia-se Namastê) é composta de duas palavras sânscritas: Nama (reverência, saudação) e Te, que significa você. Em síntese é saúdo a você, de coração, ao que deve ser retribuído com o mesmo cumprimento. Pelos meios esotéricos acabou ganhando o significado floreado de “O Deus que habita em mim saúda o Deus que há em você”.

O gesto do Namaste, conhecido pelos budistas como Anjali mudra, consiste no simples ato de juntar as palmas das mãos ante o coração (ou mais precisamente o chakra do coração), e inclinar levemente a cabeça. Metaforicamente, os cinco dedos da mão esquerda representam os cinco sentidos de karma, enquanto os da direita representam os cinco órgãos do conhecimento. Significa então que mente e coração devem estar em harmonia, para que nosso pensar e agir estejam de acordo com o Dharma. Também é um reconhecimento da dualidade que existe no mundo e sugere um esforço de nossa parte para trazer essas duas forças unidas em equilíbrio.

Somos as únicas criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo que pensamos e sentimos!

Nossas células estão constantemente bisbilhotando nossos pensamentos e sendo modificados por eles.

Um surto de depressão pode arrasar seu sistema imunológico;

apaixonar-se, ao contrário, pode fortificá-lo tremendamente.

A alegria e a realização nos mantém saudáveis e prolongam a vida.

A recordação de uma situação estressante, que não passa de um fiode pensamento, libera o mesmo fluxo de hormônios destrutivos que o estresse.

Quem está deprimido por causa da perda de um emprego projeta tristeza por toda parte no corpo – a produção de neuro transmissores por parte do cérebro reduz-se, o nível de hormônios baixa, o ciclo de sono é interrompido, os receptores neuropeptiídicos na superfície externa das células da pele tornam-se distorcidos, as plaquetas sanguíneas ficam mais viscosas e mais propensas a formar grumos e até suas lágrimas contêm traços químicos diferentes das lagrimas de alegria.

Todo este perfil bioquímico será drasticamente alterado quando a pessoa encontra uma nova posição.

Isto reforça a grande necessidade de usar nossa consciência para

criar os corpos que realmente desejamos.

A ansiedade por causa de um exame acaba passando, assim como a depressão por causa de um emprego perdido.

O processo de envelhecimento, contudo, tem que ser combatido a cada dia.

Shakespeare não estava sendo metafórico quando Próspero disse: “Nós somos feitos da mesma matéria dos sonhos.”

Você quer saber como esta seu corpo hoje? Lembre-se do que pensou ontem Quer saber como estará seu corpo amanhã? Olhe seus pensamentos hoje!

Ou você abre seu coração, ou algum cardiologista o fará por você!

DEEPAK CHOPRA

51 DICAS PARA SER FELIZ(PARTE 1)

51 dicas para ser Feliz

{vida a dois}

1. Não encare o amor como algo a ser colocado acima da razão, da lógica e da dignidade pessoal.

2. Imagine-se sempre no lugar do outro.

3. Reconheça seus erros com humildade.

4. Diga “eu te amo” em todas as oportunidades.

5. Entregue-se totalmente.

6. Toque seus parceiro todos os dias. Quem dá carinho, também recebe.

7. Faça amor sem pressa.

{trabalho}

8. Ouça as pessoas para conseguir entender os diversos pontos de vista e tentar respeita-los.

9. Use as diferenças a seu favor.

10. Emita opiniões sobre o trabalho do outro, jamais sobre a pessoa.

11. Não esqueça seus erros até que aprenda com eles.

12. Anote na agenda, ou em um papel, as tarefas a desenvolver no dia seguinte, por ordem de prioridade. Isso ajuda a organizar a mente e diminuir o estresse.

13. Só abra sua intimidade a um colega de trabalho se ele fizer o mesmo com você.

14. Pergunte-se se você faz o que sempre sonhou e tenha coragem para mudar se for preciso.

15. Seja inteira em tudo o que fizer.

{família}

16. Ouvir o ponto de vista de quem lhe quer bem também é deixar-se guiar pelo bom senso.

17. Seja grata a seus pais.

18. Não culpe sua família por você não ser o que gostaria. Somos nós que guiamos nosso caminho, ainda que as vozes sejam contrárias. Assuma sua responsabilidade.

19. Fique atenta às histórias contadas pelos mais velhos e pense em você como continuidade dessas histórias.

{vida espiritual}

20. Olhe para o céu, para a natureza. Mantenha-se em contato com o mistério da existência.

21. Você não vai encontrar explicação para tudo. Renda-se diante dos pequenos milagres.

22. Tenha fé e siga adiante.

23. Antes de desejar algo, pergunte-se o porquê do seu querer.

{saúde}

24. Evite o que pode lhe causar problemas futuros, como drogas, abuso de álcool e remédios.

25. Pratique atividades físicas e adote uma alimentação saudável.

26. Não seja escrava da vaidade. Cuide-se, mas não faça da aparência o mais importante.

PARTE 2

27. Respire fundo.

28. Fuja de todo tipo de compulsão.

29. Massageie-se com um óleo ou hidratante. Sinta seu corpo.

{amigos}

30. Você não precisa ser forte o tempo todo. Peça colo quando necessário.

31. Aproxime-se das crianças para se lembrar de como é sua própria essência.

33. Conceda a todos o benefício da dúvida. Não culpe ninguém até ter provas.

34. Seja receptivo.

35. Aja sem esperar recompensa.

{autoconhecimento}

36. Tire um momento para ficar sozinho, ouça uma boa música, leia um livro que queira comprar há muito tempo, vá ao cinema, relaxe.

37. Procure o bom senso e o equilíbrio, controlando sua agressividade.

38. Acredite que você é capaz, pois aceitar desafios nos faz crescer.

39. Trace trajetórias de acordo com seus sonhos, sem se deixar levar pelas expectativas do mundo.

41. Aceite os presentes que a vida lhe oferecer. Não serão poucos.

42. A dor pode ser o salto para um patamar mais alto de maturidade. Não fuja quando ela aparecer, abra-se para entende-la.

43. Para mudar é preciso se amar.

44. Diga adeus ao que deve ficar no passado.

45. Traga à memória o que pode lhe inspirar esperança.

46. Valorize sempre todas as suas qualidades e aptidões.

47. Faça o que puder pelo planeta. Separe o lixo, economize água, reaproveite materiais.

49. Saia do piloto automático mental.

50. Elimine o supérfluo.

51. Procure a felicidade na simplicidade.

O QUE É REIKI?

Das origens do Reiki sabemos que Mikao Usui viveu de 1865 até 1926; era padre cristão em Kioto (Japão) e professor na Universidade local. Seus estudos se concentravam em descobrir como Jesus conseguia realizar seus milagres. Ele sabia que era possível curar com as mãos através da força vital que as mesmas emanavam, mas desconhecia de que modo isso funcionava.

Em vão foi à América, para a Universidade de Chicago, tentar desvendar o segredo das curas milagrosas de Cristo. Ali se tornou Doutor em Teologia.

De volta ao Japão, e mais tarde na Índia, estudou sânscristo e as antigas escritas budistas, encontrando finalmente a chave da sabedoria antiga: uma fórmula em sânscrito baseada numa série de símbolos, os quais, acionados, ativam e captam a energia vital universal.

Depois, Usui ensinou a sabedoria a vários japoneses e fundou o sistema dos Mestres do Reiki. Um Mestre de Reiki recebe uma iniciação ligada a uma transmissão de energia de um grão-mestre, e é assim qualificado para despertar energias nas outras pessoas e transmitir o “Dom da Cura”.

Reiki é um método de cura natural pelas mãos.

REI significa universal e KI a força da energia vital que está presente, pois pertence ao que é cósmico.

Reiki pode ser então definido como ” a Arte e a Ciência da ativação, do direcionamento e da aplicação da Energia Vital Universal, para promover o completo equilíbrio energético, para prevenção das disfunções e para possibilitar as condições necessárias a um completo BEM ESTAR “.

Esta é a ENERGIA que forma os indivíduos em todas as etapas da vida, a porção de FORÇA VITAL (que é uma luz invisível que passa pelo cérebro, o sistema nervoso e as veias) que anima todos os corpos, fazendo com que uns sejam saudáveis, e outros, devido a sua falta, enfermos.

O Reiki deve percorrer todo o ser vivo. Mas o “stress” diário, as tensões que as crises pessoais e sociais nos criam, a má alimentação, a má respiração, impedem o fluxo desta energia natural. Todos sabemos os efeitos da depressão, da ansiedade, do medo, mas poucos de nós somos treinados para evitar estes estados negativos.

O grande sucesso do Reiki é que é seguro, é fácil, acessível a qualquer criança, é simples e, uma vez ativado, permanece energizando o sistema orgânico que recebeu sua aplicação. Também por não ter conotação religiosa e não intervir com outros tratamentos, sua prática vem crescendo dia a dia.

1)Reiki é uma ciência energética. Reiki trabalha independente de qualquer sistema religioso.

2)Reiki é energia não polarizada, portanto, sempre segura.

3)Como o Reiki é não-polarizado, pode ser usado até por uma criança; pode ser usado para tratar, até mesmo, doenças crônicas; ou por um adulto de qualquer meio social.

4)Sendo não-polarizado, Reiki trabalha conjuntamente com qualquer outra forma de terapia incluindo medicamentos, quimioterapia, cirurgia, homeopatia, acupuntura, etc.

5)Porque Reiki é energia que emana do nível subatômico, quando fazendo o tratamento, o terapeuta utiliza primeiramente a Energia Reiki e de uma maneira menor, de toda energia inata do corpo. O terapeuta de Reiki não arrisca nada ao tratar de outros e o Reiki na verdade estará energizando-os quando eles tratam de outra pessoa. Após tratar muitos pacientes, por mais que estejam doentes, o terapeuta Reiki geralmente se sente mais energizado.

6)Reiki trabalha no plano causal, isto é, no nível da raiz da causa e como tal, trata o corpo como um todo; É holístico por natureza, porém não requer nenhuma habilidade em diagnosticar por parte do terapeuta. Por estas razões, Reiki pode ser usado eficientemente por qualquer pessoa de qualquer idade ou meio social.

O PRIMEIRO NÍVEL ( 1º. Grau ) é o nível principal, durante o qual você recebe REIKI para toda a vida. Você aprende, através de uma técnica específica (pela ajuda das suas mãos), a ativar a Energia Vital em si mesmo e nos outros, a fim de dissolver as causas de tensões, bloqueios e doenças. A energia despertada será absorvida onde for mais necessária naquele exato momento, por exemplo : pelo corpo, pelas emoções, pelo sentimento, pelo intelecto, pela criatividade, pela intuição.

O SEGUNDO NÍVEL ( 2o. Grau ) é o nível que tem aplicações avançadas para aqueles que desejam conhecer melhor o REIKI, pois, neste nível, o foco é a cura mental com repercussão no corpo físico e etérico, assim como a cura à distância. Aqui o Reiki trabalhará diretamente no plano causal.

O TERCEIRO NIVEL A ( 3o. Grau A ) capacita ao Reikiano o uso de uma energia especial, que leva ao auto-crescimento, auto-transformação e a ser Mestre de si mesmo. Essa graduação inclui um nível de ativação de energia de alta potência, também para balanceamento energético, cura, integração e iluminação. O 3o. Nível A é de uso pessoal, para multidões e para trabalhar o planeta. Esta graduação está delineada principalmente para aq ueles que desejam se aprofundar mais na técnica da Energia Cósmica, sem terem adquirido um certificado, ou se qualificado como Mestre Reiki. O curso é completado, recebendo-se o total e original poder do Reiki do 3º. Nível B.

O TERCEIRO NÍVEL B ( 3º. Grau B ) é o Nível de Mestre, onde você aprende a iniciar pessoas nos Níveis I, II e III ( A e B ), e a ministrar cursos de Reiki.

A carta da terra

O que é a Carta da Terra?

A Carta da Terra é uma declaração de princípios éticos fundamentais para a construção, no século 21, de uma sociedade global justa, sustentável e pacífica. Busca inspirar todos os povos a um novo sentido de interdependência global e responsabilidade compartilhada voltado para o bem-estar de toda a família humana, da grande comunidade da vida e das futuras gerações. É uma visão de esperança e um chamado à ação.

A Carta da Terra se preocupa com a transição para maneiras sustentáveis de vida e desenvolvimento humano sustentável. Integridade ecológica é um tema maior. Entretanto, a Carta da Terra reconhece que os objetivos de proteção ecológica, erradicação da pobreza, desenvolvimento econômico eqüitativo, respeito aos direitos humanos, democracia e paz são interdependentes e indivisíveis. Consequentemente oferece um novo marco, inclusivo e integralmente ético para guiar a transição para um futuro sustentável.

A Carta da Terra é resultado de uma década de diálogo intercultural, em torno de objetivos comuns e valores compartilhados. O projeto da Carta da Terra começou como uma iniciativa das Nações Unidas, mas se desenvolveu e finalizou como uma iniciativa global da sociedade civil. Em 2000 a Comissão da Carta da Terra, uma entidade internacional independente, concluiu e divulgou o documento como a carta dos povos.

A redação da Carta da Terra envolveu o mais inclusivo e participativo processo associado à criação de uma declaração internacional. Esse processo é a fonte básica de sua legitimidade como um marco de guia ético. A legitimidade do documento foi fortalecida pela adesão de mais de 4.500 organizações, incluindo vários organismos governamentais e organizações internacionais.

À luz desta legitimidade, um crescente número de juristas internacionais reconhece que a Carta da Terra está adquirindo um status de lei branca (“soft law”). Leis brancas, como a Declaração Universal dos Direitos Humanos são consideradas como moralmente, mas não juridicamente obrigatórias para os Governos de Estado, que aceitam subscrevê-las e adotá-las, e muitas vezes servem de base para o desenvolvimento de uma lei stritu senso (hard law).

Neste momento em que é urgentemente necessário mudar a maneira como pensamos e vivemos, a Carta da Terra nos desafia a examinar nossos valores e a escolher um melhor caminho. Alianças internacionais são cada vez mais necessárias, a Carta da Terra nos encoraja a buscar aspectos em comum em meio à nossa diversidade e adotar uma nova ética global, partilhada por um número crescente de pessoas por todo o mundo. Num momento onde educação para o desenvolvimento sustentável tornou-se essencial, a Carta da Terra oferece um instrumento educacional muito valioso.

O texto da Carta da Terra

PREÂMBULO

Estamos diante de um momento crítico na história da Terra, numa época em que a humanidade deve escolher o seu futuro. À medida que o mundo torna-se cada vez mais interdependente e frágil, o futuro reserva, ao mesmo tempo, grande perigo e grande esperança. Para seguir adiante, devemos reconhecer que, no meio de uma magnífica diversidade de culturas e formas de vida, somos uma família humana e uma comunidade terrestre com um destino comum. Devemos nos juntar para gerar uma sociedade sustentável global fundada no respeito pela natureza, nos direitos humanos universais, na justiça econômica e numa cultura da paz. Para chegar a este propósito, é imperativo que nós, os povos da Terra, declaremos nossa responsabilidade uns para com os outros, com a grande comunidade de vida e com as futuras gerações.

TERRA, NOSSO LAR

A humanidade é parte de um vasto universo em evolução. A Terra, nosso lar, é viva como uma comunidade de vida incomparável. As forças da natureza fazem da existência uma aventura exigente e incerta, mas a Terra providenciou as condições essenciais para a evolução da vida. A capacidade de recuperação da comunidade de vida e o bem-estar da humanidade dependem da preservação de uma biosfera saudável com todos seus sistemas ecológicos, uma rica variedade de plantas e animais, solos férteis, águas puras e ar limpo. O meio ambiente global com seus recursos finitos é uma preocupação comum de todos os povos. A proteção da vitalidade, diversidade e beleza da Terra é um dever sagrado.

A SITUAÇÃO GLOBAL

Os padrões dominantes de produção e consumo estão causando devastação ambiental, esgotamento dos recursos e uma massiva extinção de espécies. Comunidades estão sendo arruinadas. Os benefícios do desenvolvimento não estão sendo divididos eqüitativamente e a diferença entre ricos e pobres está aumentando. A injustiça, a pobreza, a ignorância e os conflitos violentos têm aumentado e são causas de grande sofrimento. O crescimento sem precedentes da população humana tem sobrecarregado os sistemas ecológico e social. As bases da segurança global estão ameaçadas. Essas tendências são perigosas, mas não inevitáveis.

DESAFIOS FUTUROS

A escolha é nossa: formar uma aliança global para cuidar da Terra e uns dos outros ou arriscar a nossa destruição e a da diversidade da vida. São necessárias mudanças fundamentais em nossos valores, instituições e modos de vida. Devemos entender que, quando as necessidades básicas forem supridas, o desenvolvimento humano será primariamente voltado a ser mais e não a ter mais. Temos o conhecimento e a tecnologia necessários para abastecer a todos e reduzir nossos impactos no meio ambiente. O surgimento de uma sociedade civil global está criando novas oportunidades para construir um mundo democrático e humano. Nossos desafios ambientais, econômicos, políticos, sociais e espirituais estão interligados e juntos podemos forjar soluções inclusivas.

RESPONSABILIDADE UNIVERSAL

Para realizar estas aspirações, devemos decidir viver com um sentido de responsabilidade universal, identificando-nos com a comunidade terrestre como um todo, bem como com nossas comunidades locais. Somos, ao mesmo tempo, cidadãos de nações diferentes e de um mundo no qual as dimensões local e global estão ligadas. Cada um compartilha responsabilidade pelo presente e pelo futuro bem-estar da família humana e de todo o mundo dos seres vivos. O espírito de solidariedade humana e de parentesco com toda a vida é fortalecido quando vivemos com reverência o mistério da existência

com gratidão pelo dom da vida e com humildade em relação ao lugar que o ser humano ocupa na natureza.

Necessitamos com urgência de uma visão compartilhada de valores básicos para proporcionar um fundamento ético à comunidade mundial emergente. Portanto, juntos na esperança, afirmamos os seguintes princípios, interdependentes, visando a um modo de vida sustentável como padrão comum, através dos quais a conduta de todos os indivíduos, organizações, empresas, governos e instituições transnacionais será dirigida e avaliada.

PRINCÍPIOS

I. RESPEITAR E CUIDAR DA COMUNIDADE DE VIDA

1. Respeitar a Terra e a vida em toda sua diversidade.

1. Reconhecer que todos os seres são interdependentes e cada forma de vida tem valor, independentemente de sua utilidade para os seres humanos.

2. Afirmar a fé na dignidade inerente de todos os seres humanos e no potencial intelectual, artístico, ético e espiritual da humanidade.

2. Cuidar da comunidade da vida com compreensão, compaixão e amor.

1. Aceitar que, com o direito de possuir, administrar e usar os recursos naturais, vem o dever de prevenir os danos ao meio ambiente e de proteger os direitos das pessoas.

2. Assumir que, com o aumento da liberdade, dos conhecimentos e do poder, vem a

maior responsabilidade de promover o bem comum.

3. Construir sociedades democráticas que sejam justas, participativas, sustentáveis e pacíficas.

1. Assegurar que as comunidades em todos os níveis garantam os direitos humanos e as liberdades fundamentais e proporcionem a cada pessoa a oportunidade de realizar seu pleno potencial.

2. Promover a justiça econômica e social, propiciando a todos a obtenção de uma condição de vida significativa e segura, que seja ecologicamente responsável.

4. Assegurar a generosidade e a beleza da Terra para as atuais e às futuras gerações.

1. Reconhecer que a liberdade de ação de cada geração é condicionada pelas necessidades das gerações futuras.

2. Transmitir às futuras gerações valores, tradições e instituições que apóiem a prosperidade das comunidades humanas e ecológicas da Terra a longo prazo.

II. INTEGRIDADE ECOLÓGICA

5. Proteger e restaurar a integridade dos sistemas ecológicos da Terra, com especial atenção à diversidade biológica e aos processos naturais que sustentam a vida.

1. Adotar, em todos os níveis, planos e regulamentações de desenvolvimento sustentável que façam com que a conservação e a reabilitação ambiental sejam parte integral de todas as iniciativas de desenvolvimento.

2. stabelecer e proteger reservas naturais e da biosfera viáveis, incluindo terras selvagens e áreas marinhas, para proteger os sistemas de sustento à vida da Terra, manter a biodiversidade e preservar nossa herança natural.

3. Promover a recuperação de espécies e ecossistemas ameaçados.

4. Controlar e erradicar organismos não-nativos ou modificados geneticamente que

causem dano às espécies nativas e ao meio ambiente e impedir a introdução desses

organismos prejudiciais.

5. Administrar o uso de recursos renováveis como água, solo, produtos florestais e vida marinha de forma que não excedam às taxas de regeneração e que protejam a saúde dos ecossistemas.

6. Administrar a extração e o uso de recursos não-renováveis, como minerais e combustíveis fósseis de forma que minimizem o esgotamento e não causem dano ambiental grave.

6. Prevenir o dano ao ambiente como o melhor método de proteção ambiental e, quando o conhecimento for limitado, assumir uma postura de precaução.

1. Agir para evitar a possibilidade de danos ambientais sérios ou irreversíveis, mesmo quando o conhecimento científico for incompleto ou não-conclusivo.

2. Impor o ônus da prova naqueles que afirmarem que a atividade proposta não causará dano significativo e fazer com que as partes interessadas sejam responsabilizadas pelo dano ambiental.

3. Assegurar que as tomadas de decisão considerem as conseqüências cumulativas, a longo prazo, indiretas, de longo alcance e globais das atividades humanas.

4. Impedir a poluição de qualquer parte do meio ambiente e não permitir o aumento de substâncias radioativas, tóxicas ou outras substâncias perigosas.

5. Evitar atividades militares que causem dano ao meio ambiente.

7. Adotar padrões de produção, consumo e reprodução que protejam as capacidades regenerativas da Terra, os direitos humanos e o bem-estar comunitário.

1. Reduzir, reutilizar e reciclar materiais usados nos sistemas de produção e consumo e garantir que os resíduos possam ser assimilados pelos sistemas ecológicos.

2. Atuar com moderação e eficiência no uso de energia e contar cada vez mais com fontes energéticas renováveis, como a energia solar e do vento.

3. Promover o desenvolvimento, a adoção e a transferência eqüitativa de tecnologias

ambientais seguras.

4. Incluir totalmente os custos ambientais e sociais de bens e serviços no preço de venda e habilitar os consumidores a identificar produtos que satisfaçam às mais altas normas sociais e ambientais.

5. Garantir acesso universal à assistência de saúde que fomente a saúde reprodutiva e a reprodução responsável.

6. Adotar estilos de vida que acentuem a qualidade de vida e subsistência material num mundo finito.

8. Avançar o estudo da sustentabilidade ecológica e promover o intercâmbio aberto e aplicação ampla do conhecimento adquirido.

1. Apoiar a cooperação científica e técnica internacional relacionada à sustentabilidade, com especial atenção às necessidades das nações em desenvolvimento.

2. Reconhecer e preservar os conhecimentos tradicionais e a sabedoria espiritual em todas as culturas que contribuem para a proteção ambiental e o bem-estar humano.

3. Garantir que informações de vital importância para a saúde humana e para a proteção ambiental, incluindo informação genética, permaneçam disponíveis ao domínio público.

III. JUSTIÇA SOCIAL E ECONÔMICA

9. Erradicar a pobreza como um imperativo ético, social e ambiental.

1. Garantir o direito à água potável, ao ar puro, à segurança alimentar, aos solos não contaminados, ao abrigo e saneamento seguro, alocando os recursos nacionais e internacionais demandados.

2. Prover cada ser humano de educação e recursos para assegurar uma condição de vida sustentável e proporcionar seguro social e segurança coletiva aos que não são capazes de se manter por conta própria.

3. Reconhecer os ignorados, proteger os vulneráveis, servir àqueles que sofrem e habilitá-los a desenvolverem suas capacidades e alcançarem suas aspirações.

10. Garantir que as atividades e instituições econômicas em todos os níveis promovam o desenvolvimento humano de forma eqüitativa e sustentável.

1. Promover a distribuição eqüitativa da riqueza dentro das e entre as nações.

2. Incrementar os recursos intelectuais, financeiros, técnicos e sociais das nações em desenvolvimento e liberá-las de dívidas internacionais onerosas.

3. Assegurar que todas as transações comerciais apóiem o uso de recursos sustentáveis, a proteção ambiental e normas trabalhistas progressistas.

4. Exigir que corporações multinacionais e organizações financeiras internacionais

atuem com transparência em benefício do bem comum e responsabilizá-las pelas

conseqüências de suas atividades.

11. Afirmar a igualdade e a eqüidade dos gêneros como pré-requisitos para o desenvolvimento sustentável e assegurar o acesso universal à educação, assistência de saúde e às oportunidades econômicas.

1. Assegurar os direitos humanos das mulheres e das meninas e acabar com toda violência contra elas.

2. Promover a participação ativa das mulheres em todos os aspectos da vida econômica, política, civil, social e cultural como parceiras plenas e paritárias, tomadoras de decisão, líderes e beneficiárias.

3. Fortalecer as famílias e garantir a segurança e o carinho de todos os membros da

família.

12. Defender, sem discriminação, os direitos de todas as pessoas a um ambiente natural e social capaz de assegurar a dignidade humana, a saúde corporal e o bem-estar espiritual, com especial atenção aos direitos dos povos indígenas e minorias.

1. Eliminar a discriminação em todas as suas formas, como as baseadas em raça, cor, gênero, orientação sexual, religião, idioma e origem nacional, étnica ou social.

2. Afirmar o direito dos povos indígenas à sua espiritualidade, conhecimentos, terras e recursos, assim como às suas práticas relacionadas com condições de vida sustentáveis.

3. Honrar e apoiar os jovens das nossas comunidades, habilitando-os a cumprir seu

papel essencial na criação de sociedades sustentáveis.

4. Proteger e restaurar lugares notáveis pelo significado cultural e espiritual.

IV. DEMOCRACIA, NÃO-VIOLÊNCIA E PAZ

13. Fortalecer as instituições democráticas em todos os níveis e prover transparência e responsabilização no exercício do governo, participação inclusiva na tomada de decisões e acesso à justiça.

1. Defender o direito de todas as pessoas receberem informação clara e oportuna sobre assuntos ambientais e todos os planos de desenvolvimento e atividades que possam afetá-las ou nos quais tenham interesse.

2. Apoiar sociedades civis locais, regionais e globais e promover a participação significativa de todos os indivíduos e organizações interessados na tomada de decisões.

3. Proteger os direitos à liberdade de opinião, de expressão, de reunião pacífica, de associação e de oposição.

4. Instituir o acesso efetivo e eficiente a procedimentos judiciais administrativos e independentes, incluindo retificação e compensação por danos ambientais e pela ameaça de tais danos.

5. Eliminar a corrupção em todas as instituições públicas e privadas.

6. Fortalecer as comunidades locais, habilitando-as a cuidar dos seus próprios ambientes, e atribuir responsabilidades ambientais aos níveis governamentais onde possam ser cumpridas mais efetivamente.

14. Integrar, na educação formal e na aprendizagem ao longo da vida, os conhecimentos, valores e habilidades necessárias para um modo de vida sustentável.

1. Prover a todos, especialmente a crianças e jovens, oportunidades educativas que lhes permitam contribuir ativamente para o desenvolvimento sustentável.

2. Promover a contribuição das artes e humanidades, assim como das ciências, na educação para sustentabilidade.

3. Intensificar o papel dos meios de comunicação de massa no aumento da conscientização sobre os desafios ecológicos e sociais.

4. Reconhecer a importância da educação moral e espiritual para uma condição de vida sustentável.

15. Tratar todos os seres vivos com respeito e consideração.

1. Impedir crueldades aos animais mantidos em sociedades humanas e protegê-los de sofrimento.

2. Proteger animais selvagens de métodos de caça, armadilhas e pesca que causem sofrimento extremo, prolongado ou evitável.

3. Evitar ou eliminar ao máximo possível a captura ou destruição de espécies não visadas.

16. Promover uma cultura de tolerância, não-violência e paz.

1. Estimular e apoiar o entendimento mútuo, a solidariedade e a cooperação entre todas as pessoas, dentro das e entre as nações.

2. Implementar estratégias amplas para prevenir conflitos violentos e usar a colaboração na resolução de problemas para administrar e resolver conflitos ambientais e outras disputas.

3. Desmilitarizar os sistemas de segurança nacional até o nível de uma postura defensiva não-provocativa e converter os recursos militares para propósitos pacíficos, incluindo restauração ecológica.

4. Eliminar armas nucleares, biológicas e tóxicas e outras armas de destruição em

massa.

5. Assegurar que o uso do espaço orbital e cósmico ajude a proteção ambiental e a paz.

6. Reconhecer que a paz é a plenitude criada por relações corretas consigo mesmo, com outras pessoas, outras culturas, outras vidas, com a Terra e com a totalidade maior da qual somos parte.

O CAMINHO ADIANTE

Como nunca antes na História, o destino comum nos conclama a buscar um novo começo. Tal renovação é a promessa destes princípios da Carta da Terra. Para cumprir esta promessa, temos que nos comprometer a adotar e promover os valores e objetivos da Carta.

Isto requer uma mudança na mente e no coração. Requer um novo sentido de interdependência global e de responsabilidade universal. Devemos desenvolver e aplicar com imaginação a visão de um modo de vida sustentável nos níveis local, nacional, regional e global. Nossa diversidade cultural é uma herança preciosa e diferentes culturas encontrarão suas próprias e distintas formas de realizar esta visão. Devemos aprofundar e expandir o diálogo global que gerou a Carta da Terra, porque temos muito que aprender a partir da busca conjunta em andamento por verdade e sabedoria.

A vida muitas vezes envolve tensões entre valores importantes. Isto pode significar escolhas difíceis. Entretanto, necessitamos encontrar caminhos para harmonizar a diversidade com a unidade, o exercício da liberdade com o bem comum, objetivos de curto prazo com metas de longo prazo. Todo indivíduo, família, organização e comunidade tem um papel vital a desempenhar. As artes, as ciências, as religiões, as instituições educativas, os meios de comunicação, as empresas, as organizações não-governamentais e os governos são todos chamados a oferecer uma liderança criativa. A parceria entre governo, sociedade civil e empresas é essencial para uma governabilidade efetiva.

Para construir uma comunidade global sustentável, as nações do mundo devem renovar seu compromisso com as Nações Unidas, cumprir com suas obrigações respeitando os acordos internacionais existentes e apoiar a implementação dos princípios da Carta da Terra com um instrumento internacionalmente legalizado e contratual sobre o ambiente e o desenvolvimento.

SITES DO BEM

www.profhermogenes.com.br

www.saibababrasil.com.br

http://www.dalailama.com

BUDISMO

Introdução geral ao Budismo (web)[http://www.acessoaoinsight.net/arquivo_textos_theravada/abc_budismo.htm]

Mais perguntas e respostas sobre o Budismo (web)[http://www.dharmanet.com.br/intro/dharma.php]

Indicações de livros (tópico)[http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=32715&tid=1369864]

Mais indicações de livros (tópico)[http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=32715&tid=14620905]

Endereços de centros Budistas (web)[http://www.dharmanet.com.br/links/enderecos.php]

Caso esteja interessado especificamente no Budismo Tibetano, recomendo:www.budismotibetano.com.br[http://www.budismotibetano.com.br/]

TAI CHI CHUAN

http://www.sbtcc.org.br

JOSEPH CAMPBELL

http://monomito.wordpress.com/

YOGA

www.yoga.pro.br

YOGA

www.yoganataraja.com.br

YOGANANDA

Livros de Yogananda para baixar

Aproveitem!!!! Livros e textos de Yogananda para baixar.

http://www.4shared.com/network/search.jsp?sortType=

1&sortOrder=1&sortmode=2&searchDCId=22&searchName

=yogananda&searchmode=2&searchName=

yogananda&searchDescription=&searchExtention=&start=0

RADIO HARE KRISHNA(MANTRAS)

www.harekrishna.gigafoto.com.br

Livro de receitas vegetarianas

mando grátis por e-mail é só pedir pra

nayana_dasa@yahoo.com.br

ÍNDIA

www.shunya.net

OBRAS XAMÂNICAS

“Um Aprendizado Mágico” – Steven Foster & Meredith Little – Editora Campus

“O Espírito do Xamanismo” – Roger N. Walsh – Editora Saraiva

“Cartas do Caminho Sagrado” – Jamie Sams – Rocco

“Cartas Xamânicas” – Jamie Sams – Rocco

“O Resgate da Alma” – Sandra Ingerman – Editora Record

“A Dança dos Curandeiros” – Carl A. Hammerschlag – Editora Record

“O Roubo do Espírito” – Carl A. Hammerschlag – Editora Record

“Os Quatro Ventos” – Alberto Villoldo – Agora

“Os Segredos do Xamanismo” – Jose Stevens & Lena S. Stevens – Objetiva

“O Físico, o Xamã e o Mísitico” – Patrick Drouot – Nova Era

“Iniciação” – Elizabeth B. Jenkins – Nova Era

“Iniciação de uma Xamã” – Kay Cordell Whitaker – Editora Record

“Shabono” – Florinda Donner-Grau – Editora Record

“Sonhos Lúcidos” – Florinda Donner-Grau – Editora Record

“Sastun” – Rosita Arvigo – Editora Nova Era

“O Vôo da Águia – Léo Artése – E. Roka

“O Espírito Animal” – Léo Artese – E. Roka

“Os Quatro Compromissos” – Don Miguel Ruiz – Ed. Best Seller

“O Xamanismo e as Técnicas Arcaicas do Êxtase” – Mircea Eliade – Martins Fontes

“O Caminho do Xamã” – Michael Harner – Cultrix

“A Serpente e o Círculo” – Namua Rahesha – Pensamento

“Na Trilha do Templo do Sol – Ghandarva – Editora Liz de Ouro

“A Voz dos Quatro Elementos” – Alba Maria – Madras

“Anuário da Grande Mãe” – Mirella Faur – Ed. Gaia

“Almanaque Mágico” – Mirella Faur – Forças Ocultas

“Chamalu, os Passos do Peregrino” – Chamalu – Ed. Record

“Canção do Vento” – Mario Scherer – Shan Editores

“E…O Ancião Falou” – Antón Ponce de Leon Paiva – Ground Editora

“Quando um Raio Atinge um Beija-Flor” – Foster Perry – Ground Editora

“A Floresta Violeta” – Foster Perry – Ground Editora

“As Máscaras de Deus – Mitologia Primitiva” – Joseph Campbell – Ed Pallas Athena

“O Caminho Quádruplo” – Angeles Arrien – Ágora

“A Erva do Diabo” – Carlos Castañeda – Nova Era

“Uma Estranha Realidade” – Carlos Castañeda – Nova Era

“Viagem a Ixtlan” – Carlos Castañeda – Nova Era

MIGUEL_COSTA ॐ

“Porta para o Infinito” – Carlos Castañeda – Nova Era

“O Segundo Círculo de Poder” – Carlos Castañeda – Nova Era

“O Presente da Águia” – Carlos Castañeda – Nova Era

“O Fogo Interior” – Carlos Castañeda – Nova Era

“O Poder do Silêncio” – Carlos Castañeda – Nova Era

“A Arte do Sonhar” – Carlos Castañeda – Nova Era

“Passes Mágicos” – Carlos Castañeda – Nova Era

“A Roda do Tempo” – Carlos Castañeda – Nova Era

“O Lado Ativo do Infinito” – Carlos Castañeda – Nova Era

“Conversando com Castañeda” – Carmina Front – Editora Record

“A Magia do Amor” – Djalma Sayão Lobato – Editora Sulina

“O Poder dos Animais” – Valéria Silveira Wagner – Editora Gente

“Xamanismo no Brasil” – E. Jean Matteson Langdon – Editora da UFSC

“Círculo de Xamãs” – Olga Khariditi – Racco

“O Segredo do Xamã” – Douglas Gillette – Racco

“Andarilho Espiritual” – Hank Wesselman – Racco

“A Sabedoria do Xamã” – Hank Wesselman – Racco

“Magia do Amor” – Djalma Sayão Lobato

BIBLIOGRAFIA CEDIDA PELO XAMÃ WAGNER FROTA

XAMANISMO

www.xamanismo.com

XAMANISMO

www.xamanismo.org

BIBLIOTECA VIRTUAL DO ORKUT

PESQUISE O ACERVO PELO LINK ABAIXO:

http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=15200213&tid=2529603302028778605

***Para baixar os livros é necessário estar registrado e logado no ESNIPS http://www.esnips.com. É simples e gratuito.***

www.semeadoresdobem.com.br

CALENDÁRIO LUNAR HEBRAICO(KALUACH)

www.kaluach.net

CABALA

www.academiadecabala.com.br

ASTROLOGIA

Download de livros e artigos

Em espanhol, de vários autores – Cursos de astrología, Documentos antigos,

mitología e Poemas Épicos, Astrología geral, Astrología Mundial, Astrología Electiva – Horaria, Astrología Médica, Astrología kármica, Astrología Esotérica, dracônica e hindu.

http://luppas.homeip.net/astrotaller/libros.htm

ASTROLOGIA HORARIA-livros

http://www.esnips.com/_t_/astrologia/?tab=1&type=DOCUMENTS&sort=RELEVANCY&page=3

ECOLOGIA

www.clickarvore.com.br

http://www.paz.com.br/

www.vegetarianismo.com.br

AS SETE PROFECIAS MAYAS

http://www.youtube.com/watch?v=Op4hvWZMxSc

REIKI

www.phatae.com

TRIBO LAKOTA/SIOUX

http://www.cavall.net/home.html

CALENDÁRIO MAIA

Calculem as datas do calendário maia nativo em http://www.michielb.nl/maya/calendar.html

Arquivos do calendário (Projeto CMAIA) e outros no diretório aberto http://mesoamerica.4shared.com/

Calendário civil Maia (TIKAL) 2007/2008:

www.4shared.com/file/15940841/9ffe6e/9EB-78

Ciclo MAIA nativo do Tun-Uc baseado na matemática sagrada da contagem longa, download emhttp://www.4shared.com/file/15941350/da6a773d/Tun-UcMAIA

Acompanhem o calendário diariamente via e-mail, participando do grupo da Cris:

http://br.groups.yahoo.com/group/bussolagalactica

Os nativos mantém sua tradição genuína de contagem de tempo, deixada pelos antepassados. A sua ordem coincide tanto com os registros da época da conquista quanto com a correlação mais aceita (GMT1 – JDN 584283) que determina o fim do ciclo de 13 Baktuns para 21/12/2012.

Consulte o site seguinte para maiores informações sobre o Calendário Maia, bem como vários outros calendários:

http://www.calendario.cnt.br/cal_mesoamericanos.htm

Visite o site abaixo para converter datas entre os Calendários Gregoriano e Maia:

http://www.diagnosis2012.co.uk/mlink.htm

Projeto Calendário Maia Independente e Aberto:

http://www.orkut.com/CommMsgs.aspx?cmm=8748507&tid=2532908893545611455&start=1

Outros links de interesse:

http://sacredroad.org/index.php

http://groups.myspace.com/themayancalendar

http://members.shaw.ca/mjfinley/mainmaya.html

http://www.astras-stargate.com/mayastro.htm

COZINHA VEGETARIANA

http://www.nutriveg.com.br/

http://www.vidavegetariana.com/receitas/

ESTUDOS INICIÁTICOS

Sites indicados para estudos :

www.summitlighthouse.com.br

www.ponteparaaliberdade.com.br

www.grandefraternidadebranca.com.br

www.amorc.org.br

www.teosofia.com.br

www.vahalibrasil.org.br

Baixe mantras e orações etc…

http://www.pedro.coelho.nom.br/downloadslivros.htm

COMUNIDADE UNINDO CORAÇÕES

Endereço: Rua Maria Eugênia, 303

Humaitá – Rio de Janeiro

Informações: 2535-0349

Site: www.unindocoracoes.com.br

Emails: luzvioleta@globo.com_

http://www.xamanismoancestral.com.br/index.html

EXERCÍCIOS,MEDITAÇÃO E POSTURA ZEN

Algumas dicas que facilitam a obervação ZEN, ou em pé num ônibus — conforme for sua prática pessoal.

Observar “pensamentos”, “histórinhas” que rondam nossa cabeça — até sermos atirados no vazio. Coloco aqui uma seleção de “pulos do gato” passado por vários mestres com quem tive contato.

1 – Quando você observar “você mesmo” nos seus pensamentos, enfatize que essa imagem não é você, mas sim sua forma futura ou passada — como se fosse REALMENTE uma outra pessoa, como num filme que estivesse vendo no cinema. A sua própria imagem é muito forte, e faz com que você se identifique muito com ela. Isso cria uma neutralidade e distanciamento maior na observação, para você não se envolver tanto nas “historinhas”. Me ajudou muito.

2 – De tempos em tempos, mude sua localização física no recinto. Isso força você a ter novas perspectivas e, portanto, percepções. O mestre Gonpa tinha o hábito de colocar a pessoa no Zendo em cantos diferentes a cada 5 minutos.

3 – A parede branca ou bem clara é o melhor local para você visualizar seus pensamentos, como fazia Boddhidharma. Paredes, fundos ou paisagens escuros realmente não são legais — pois a cor dos seus pensamentos é meio escurecida.

4 – Qualquer local é um bom local para você observar seu “tráfego mental”. Quando não sento (zazen), faço deitado na cama olhando o teto ou na parede do elevador.

5 – Use a “grande-mente” para observar a “pequena-mente”. Repare claramente que existe uma mente-grande “por fora” que observa a mente pequena (ego) mais interna. Assim, você cai logo num “mar” onde se funde com o ambiente e a mente-pequena fica bem isolada mais centralmente para ser obervada. Essa também me ajudou muito.

6 – Sempre que você observa seus pensamentos, você está NECESSARIAMENTE no aqui-agora. Pois a “historinha” (seu passado e futuro ilusórios) estão sendo observados. Portanto você não poderia estar mais “misturado” com eles neste momento, e em nenhum outro lugar senão o presente. Quando as pessoas percebem isso, é uma coisa muito imediata, tipo um satori bem fácil de se alcançar. Muito eficiente.

7 – Ver os pensamentos continuamente faz perdermos contato muitas vezes, pois começamos a nos identificar com eles. Neste caso, gosto muito de manter os olhos abertos certo tempo e fechados mais um pouco — abrindo e fechando de tempos em tempos. Isso oferece uma “mudança” que evita que nos “acostumemos” e percamos a consciência.

8 – Use essas “técnicas” separadas, e vá experimentando aos poucos. Nunca mantenha uma técnica por mais de algumas vezes (3 ou 4 nos meu caso), pois você faz dela um hábito, um condicionamento. Troque sempre ! Zen é, acima de tudo, criatividade.

ANDRÉ WHITTICK

Mais sugestões

*

Possivelmente vocês já ouviram falar de “espaço interior” ou “corpo interior” ou “estar oco como um bambu”. Essa percepção é bem útil para a meditação.

Vou contar duas formas que me chamaram muito a atenção…

1) Colocar um headphone com música ou walkman ou mp3. A primeira impressão de quase todo mundo que já ouviu música assim é perceber que só ele está ouvindo aquela música. Pode parecer óbvio para quem já está acostumado, mas vocês se lembram da primeira vez ? Você vira um “salão de dança”, você se sente muito amplo e se dá conta desse maravilhoso espaço privado.

2) Um outra forma é dentro da piscina. Já tentaram ficar imóveis dentro de uma piscina percebendo todas as suas próprias sensações ? Você sente que seu corpo e todo o resto é muito periférico. Você ouve seu coração sem respirar, exatamente como no útero.

São experiências simples que ajudam você se lançar dentro de si mesmo.

Trabalhando com polaridades

====

Alguns mestres Zen, taoistas e iogis enfatizam os métodos que trabalham com extremos, ou polaridades. Como todas as técnicas, essa faz você pendular entre extremos até, aos pucos, cair no meio.

“O esforço leva à calma” – Lao Tsé

Especialmente, para nós ocidentais, é mais difícil cair direto na meditação. Nossa mente pode ficar vagando por tempos até então. Vamos fazer justamente o contrário…

“Forçe” os pensamentos, começe a imaginar alguma situação, especialmente se for muito forte ou até desadradável (acho que são as melhores). Você vai observar que sua mente, por um mecanismo de defesa, irá fazer essa nuvem se dissipar em alguns instantes. Aí sim, você começará a ficar com a mente vazia. Depois de algum tempo, verá que logo os pensamentos virão novamente. Comece a amplificá-los, aumente novamente.

Fazendo esse vai-e-vem por alguns minutos, você verá uma diferença entra sua grande-mente (consciência) e sua pequena-mente (pensamentos, ego). Você perceberá sua grande-mente bem ampliada e sua pequena-mente mais distante, tirando você menos do momento presente.

A grande-mente faz amizade com a pequena-mente.

====

O mestre Gongpa, nunca fala para você se livrar dos pensamentos. Ele fala para que convivamos com a pequena-mente. Ele usa a expressão (de gosto muito):

“A grande-mente observa a pequena-mente”

Talvez sua pequena-mente fique mais fraca com o tempo, mais isso não importa muito. “Divirta-se com isso”, o mestre diz.

Um video bem bacana do Centro Zen de São Francisco, com uma música bem legal:

http://www.youtube.com/watch?v=ujE-NJvfh-Y

DROGAS

Qualquer desejo por plenitude é desejo por Luz. Muitas vezes buscamos Luz

onde não existe Luz.

A maconha comprada do traficante carrega , por inter-inclusão a energia do tráfico

, das armas , das mortes e da corrupção.

A maconha que ,por exemplo, foi plantada num vazinho ,colhida e prensada de modo artesanal , não contem essas energias , mas segundo a Cabalá , tudo ,

que nos tira de nosso estado de consciência e não esta sobre nosso controle, é algo que pode conectar-nos á dimensões inferiores.

Essa não é uma posição moral, e sim energética.

Uma alternativa à maconha, seria a meditação.

MEDITAÇÃO

Muito se especula sobre essa prática milenar e a ciência conseguiu comprovar que a meditação traz somente benefícios para a vida, pois proporciona a possibilidade de encontro com aquilo que há de mais profundo dentro de nós, o autoconhecimento.

A meditação consiste em práticas diárias que envolvem, essencialmente, concentração e respiração. A atividade regular traz:

– descanso físico e mental;

– aumento da capacidade de concentração e respiração;

– maior autoconfiança;

– maior liberdade de escolha;

– mais domínio sobre corpo, mente e pensamentos.

Segundo a Terapeuta Holística, Taiane Giusti, a meditação equilibra as emoções e coloca as pessoas em contato com o subconsciente. Isso pode proporcionar relaxamento por meio da limpeza do campo mental. “A prática constante da meditação desenvolve concentração e auto-conhecimento, equilibra a ansiedade, além de nos direcionar por um caminho espiritual mais consistente e realizador”, complementa.

Quando a meditação é praticada, canais de conhecimento – que harmonizam e criam novas perspectivas para a vida – são abertos. Taiane explica que esse canal de intuição e de comunicação com energias vitais para a saúde e a vida revitaliza corpo e mente.

Para praticar essa técnica milenar existem algumas informações básicas. O primeiro passo está na escolha do lugar, que precisa ser tranqüilo, arejado e, de preferência, ao ar livre, avisa Taiane. “O próximo passo está em sentar de pernas cruzadas ao estilo oriental ou deitar-se com a barriga para cima, as pernas esticadas e os pés unidos. Depois é só fechar os olhos e respirar profundamente, enchendo e soltando todo o ar, relaxando e deixando os pensamentos passarem pela cabeça. Quem preferir pode se concentrar num ponto entre as sombrancelhas, isso ajuda a se desconectar do mundo externo e a despertar a consciência” conclui.

ANIMAL DE PODER

O ANIMAL DE PODER nos auxilia para entrarmos em contato com nossas energias internas. Ele é nossa parte material e concreta que nos levará ao caminho do Grande Espírito.

Segundo as tradições índias, cada um de nós tem pelo menos um espírito de animal, que nos dá de presente suas qualidades e muitas vezes até semelhanças. Não é à toa quando se diz que determinada pessoas tem olhar de lince ou coisas do gênero.

O ANIMAL DE PODER vive e se expressa através do nosso corpo. Contatar e conversar com ele exige uma experimentação sensorial. Cada animal possui suas qualidades, traz tesouros e lições para cada situação vivenciada.

EXERCÍCIO 1

Todos temos animais de poder – animais de espírito – que são nossos protetores. Alguns destes animais de poder são guardiões de espíritos que existem em outros reinos. Cabe a você descobrir o seu, para chamá-lo sempre, não só em momentos de perigo, mas para participar de todos os momentos de sua vida. Encontre-o!

Primeiro encontre um lugar tranqüilo, pode ser até em frente seu computador. .

Toque um tambor ou coloque um CD que emita o som de um tambor..

Esvazie sua mente e feche os olhos.

Sinta-se os músculos no seu corpo se relaxando. . .

A sua cabeça. . .

Os seus ombros. . .

O seu pescoço. . .

O tronco do seu corpo. . .

Os seus braços. . .

respire fundo por 3x. . . Expire pelo seu nariz. . . Segure um pouco o fôlego . . . (Conte lentamente até 5 na inspiração. Conte até 2 enquanto retém o ar nos pulmões e depois, novamente até 5 na expiração e, de novo, até 2, completando o ciclo.

Agora visualize uma tela, como a do seu computador.. Coloque uma cor nela . .Ou forma.

Telepaticamente peça que seu animal de poder se mostre a você na tela da sua mente. Seja paciente! Seu terceiro olho (glândula de pineal) deve abrir antes de você possa ver imagens.

Logo a imagem de um animal aparecerá.

Pode – ou não pode – ser o animal que você estão esperando – então não tenha muitas expectativas. A imagem pode vir de repente ou se mover em direção a você. Pode ser uma vista de frente do animal ou de em outro ângulo.

O animal não pode ser seu animal favorito!

Quando ele aparecer olhe-o atentamente…

Tente escutar com seus pensamentos alguma mensagem de telepática dele. Pode parecer engraçado receber uma mensagem numa linguagem humana – de um animal – mas pode acontecer.

Seu animal pode aparecer numa cena o que pode ser significativo para você. Coloque-o em foco. Anote as cores ao redor do animal – cores são muito importantes. Quando a imagem se tornar difusa. Lentamente abra os seus olhos e escreva tudo que você viu. Pode aparecer mais de um animal. Pode aparecer até um animal mitológico, tipo unicórnio. Pode acontecer também que em outro dia que fizeres este exercício apareça outro animal.

Situações para considerar:

Você alguma vez já sonhou com este tipo de animal? O que aconteceu no sonho? Peça que o animal venha até você hoje em sonho.

. Por quê tal animal apareceria a você?

Talvez deva procurar o que o animal queria lhe dizer.

EM BUSCA DO SEU TOTEM

A Jornada xamânica é o metodo tradicional, mas há outros.

Na realidade, há diversos métodos mesmo de forma tradicional, pois varia de TRIBO PRA TRIBO entre os nativos americanos. Então, depende de que tribo está sendo levada em conta.

Alguns metodos:

► Em sonhos: Ao sonhar com um animal que tenha um significado especial dentro do sonho mesmo. Esse metodo já apontou meu totem, pois já sonhei com uma ÁGUIA DOURADA.

► Por mensagens indiretas: Ao escutar ou ver o nome de algum animal várias vezes durante sua vida cotidiana, nas notícias, na televisão, em comentários de amigos, etc.

► Por mensagens diretas: Ao ver físicamente um animal mais de duas vezes. (é pouco confiável). Funciona assim: Vc pede a um animal em específico, por exemplo, o tigre, para que se manifeste para você naquele dia, caso seja seu animal de poder. Digamos que vc esteja andando na rua e passe por você um desfile de um circo e em uma jaula está o tigre.

► Em meditação: Os Animais de Poder se revelam e se identificam a sí mesmos como tais.

► Por instinto ou intuição: Nos sentimos especialmente atraídos por eles ao longo de nossas vidas. (também indica meu animal de poder)

► Por meio de um xamã: Ao pedir a alguém especialmente intuitivo que averigue e nos diga qual é nosso Animal de Poder.

Se já estiver consciente de seu Animal de Poder, pode pedir-lhe poder adicional em qualquer situação. Tambén pode utilizar esta seção como um oráculo, de novo confiando en sua intuição ao eleger um Animal para ler suas características.

► “Cartas xamânicas”: Você encontra em quase qualquer livraria. Imagino que em todas as cidades se possa encontrar, mas pela net também se pode comprar.

consultando o oráculo,vc entrará em contato com o seu animal de poder.

Os Animais de Poder não necessariamente são animais exóticos: podem ser qualquer animal das familias dos mamíferos, répteis, insetos ou aves.

Ou poderia ser um animal mítico, como o Unicórnio ou o Dragão.

EM BUSCA DO SEU TOTEM

A Jornada xamânica é o metodo tradicional, mas há outros.

Na realidade, há diversos métodos mesmo de forma tradicional, pois varia de TRIBO PRA TRIBO entre os nativos americanos. Então, depende de que tribo está sendo levada em conta.

Alguns metodos:

► Em sonhos: Ao sonhar com um animal que tenha um significado especial dentro do sonho mesmo. Esse metodo já apontou meu totem, pois já sonhei com uma ÁGUIA DOURADA.

► Por mensagens indiretas: Ao escutar ou ver o nome de algum animal várias vezes durante sua vida cotidiana, nas notícias, na televisão, em comentários de amigos, etc.

► Por mensagens diretas: Ao ver físicamente um animal mais de duas vezes. (é pouco confiável). Funciona assim: Vc pede a um animal em específico, por exemplo, o tigre, para que se manifeste para você naquele dia, caso seja seu animal de poder. Digamos que vc esteja andando na rua e passe por você um desfile de um circo e em uma jaula está o tigre.

► Em meditação: Os Animais de Poder se revelam e se identificam a sí mesmos como tais.

► Por instinto ou intuição: Nos sentimos especialmente atraídos por eles ao longo de nossas vidas. (também indica meu animal de poder)

► Por meio de um xamã: Ao pedir a alguém especialmente intuitivo que averigue e nos diga qual é nosso Animal de Poder.

Se já estiver consciente de seu Animal de Poder, pode pedir-lhe poder adicional em qualquer situação. Tambén pode utilizar esta seção como um oráculo, de novo confiando en sua intuição ao eleger um Animal para ler suas características.

► “Cartas xamânicas”: Você encontra em quase qualquer livraria. Imagino que em todas as cidades se possa encontrar, mas pela net também se pode comprar.

consultando o oráculo,vc entrará em contato com o seu animal de poder.

Os Animais de Poder não necessariamente são animais exóticos: podem ser qualquer animal das familias dos mamíferos, répteis, insetos ou aves.

Ou poderia ser um animal mítico, como o Unicórnio ou o Dragão.

Palavras-chave: Totem, Animal de Poder, Familiar, Aliado, Nagual, Espírito Protetor, Guardião.

De acordo com varias tradições xamânicas, cada pessoa tem pelo menos um Animal de Poder.

Esse espírito é individual, de cada um, e está ligado ao íntimo de seu próprio espírito.

São chamados de animais de poder porque o poder ou força de vida primal chega a nós através deles.

Em algumas tradições são chamados de “Alma Animal” porque seria uma das almas necessárias pra se formar um indivíduo.

Esses espíritos servem como guias e guardiões nos reinos astrais e escolhem nossa companhia por encontrarem alguma coisa em nosso íntimo que reflete sua natureza.

Eles nos trazem a percepção de nossos dons que talvez por medo ou negligência, não damos atenção ou utilizamos de forma errada.

Segundo a tradição, nosso Animal de Poder pode se mostrar em sonho, visões, meditações, ou por meio de um xamâ experiente.

.:. Animal de Poder .:.

-> Lobo – o Professor

Professor, Mestre

Desbravador de caminhos,

Cão lunar de minha alma.

Uivando,

Cantando,

Ensinando a viver

Borboleta -> Auto-transformação, clareza mental, novas etapas, liberdade.

O poder que a Borboleta nos traz é oriundo do ar. É a mente e a capacidade de conhecer a mente e de mudá-la. É a arte da transformação.

Borboleta… esvoaçando

Na luz da manhã,

Você já teve tantas formas

Antes de conseguir

Alçar o seu vôo!

CORUJA

A coruja é o símbolo do feminino, da Lua, da noite, da magia, da profecia e da sabedoria.

Os antigos gregos a associavam à deusa Athena e, desse modo, à sabedoria.

O totem da coruja concede o poder para extrair segredos, bem como os conhecimentos antigos recolhidos nos recessos mais profundos da noite, da morte e da Umbra Negra.

Todo aquele que ouvir a coruja dentro de si e meditar em suas palavras, terá grandiosas revelações.

Ninguém poderá iludir alguém que tenha o totem da coruja, pois os povos da coruja podem ver na escuridão de outras almas.

Premonição e clarividência são habilidades de seus filhos. Isso pode parecer um tanto assustador, mas não se deve ter medo, pois a coruja é mãe zelosa!

Deixe-se guiar pelos seus intintos! Deixe-se guiar pelo totem da coruja!

SERPENTE

Como a Serpente, as pessoas desse totem tendem a ser misteriosas e reservadas. Dedicam boa parte do tempo a ouvir os outros, mas são extremamente relutantes em revelar seus segredos mais íntimos. Por isso, às vezes são mal compreendidas.

São pessoas de sentidos super-aguçados; a prova é q elas geralmente descobrem a verdade sobre os outros em diversas situações. Têm olhos aguçados q as permitem ver a alma profundamente, quer seja, a sua ou a dos outros. Esses sentidos só lhes faltam quando se encontram perturbadas, fato este q impede sua força fluir suavemente por elas.

São adaptáveis e têm a habilidade para trocar sua pele velha, ou seja, de idéias, ambiente ou sentimentos; essa transformação ocorre em uma fase nova do seu ser. Ainda assim, mudanças nunca são fáceis para elas, mas quando a fazem, é permanente até acharem q é tempo de seguir um novo caminho.

As pessoas desse totem são merecedoras de respeito por seu poder de transformação e pelas mensagens que trazem!

Corvo – O Negociador <-

Corvos às vezes são agressivos, mas freqüentemente cautelosos. São inteligentes e defendem com ferocidade seu território e família. Diz a lenda que o ponto mais forte nos corvos é a lealdade. A lenda ainda diz que estes pássaros têm conselhos tribais e que se estes pássaros vão contra as leis da tribo, eles cometerão suicídio caindo de um lugar alto.

Assim como os corvos, as pessoas desse totem estão contentes quando estão com um grupo de pessoas que compartilham suas idéias, e se sentem muito seguras neste ambiente. Tal como o Corvo, elas demonstram um espírito de defesa agressivo quando atacam seu grupo e território. Se elas sentem que esses que elas amam são ameaçados, os defenderão contra qualquer coisa, não importando seu tamanho ou força.

PUMA

A energia do Puma Une ensina a usar bem a sua capacidade de liderança, sobretudo no que concerne à habilidade de liderar sem obrigar os outros a que aceitem sua liderança. Isto só é possível quando a pessoa compreende que todos os seres humanos são líderes em potencial. À energia do Puma também lida com os abusos do poder e a incapacidade de liderar com correção e justiça. Ela nos ensina a respeitar a capacidade de liderança que existe em cada indivíduo.

Ao observar os movimentos graciosos do Puma, você aprendera a equilibrar suas metas, seus poderes, sua força e sua elegância. Isto corresponde, na dimensão humana, ao perfeito equilíbrio entre o corpo, a mente e o espírito.

A palavra Puma significa “poder” entre os incas. Quando entramos em contato com a medicina deste animal, somos sempre convidados a reconhecer e/ou equilibrar o poder que existe dentro de nós para responder a um (novo) desafio.

URSO

o Urso é introspecção. a conexão com a Mãe Terra, o lado femino intuitivo, fala também sobre a capacidade de visões de cura através dos sonhos.

o urso e reconhecido como o xamã dos animais. aquele que tem a capacidade de cura

http://www.estudosxamanicos.com.br

O que é Animal de poder?

No começo dos tempos, quando as pessoas e animais caminhavam na terra, uma pessoa poderia se tornar um animal se ela quisesse e um animal poderia se tornar um ser humano. Às vezes elas eram pessoas e às vezes animais e não havia nenhuma diferença. Todos falavam o mesmo idioma.

O animal de poder é a força e a energia espíritual do animal, cada animal tem uma medicina (ensinamento). Qunado o animal de poder aparece nas visões apresenta-se maior que o animal verdadeiro porque ele encarna a essência grupo daquele animal. Não é uma forma humana do animal ou um humano vestido como um animal é o próprio espírito animal. Por exemplo, o espírito do urso, é a voz de todos os ursos, que em algum dia viveram aqui. É o urso xamanico, e a voz selvagem, a voz da natureza, a voz da terra.

Este animal informa ao xamã das energias da terra que são seguras. Ele dá poder e proteção ao xamã. É um ajudante do xamã na viagem para dentro dos mundos espirituais. Nenhum xamã tentaria uma viagem interna sem a ajuda de um animal de poder. O animal de poder carrega o xamã e as pessoas que estão com ele para uma energia que os pode curar.

Um animal de poder é um protetor, semelhante a um anjo da guarda que o protege dos danos e o ajuda no crescimento espiritual, emprestando seu poder a você. As emoções negativas que você pode sentir, ou as emoções negativas que outro pode enviar a você são vistas pelo xamã as vezes ficam aderidas ou armazenadas em várias partes do corpo. Isto pode ser visto com o exemplo de como tensões causam úlceras ou atrai dores. O xamã com autorizarão remove a energia que não pertence ao corpo. Isto é chamado de Extração de Xamânica. Outras modalidades diferentes de curas além do xamanismo praticam isto também. Esta energia não é ruim, apenas estava estagnada, por não pertence ao seu corpo, podendo causar uma doença que até então não mostrava-se no físico.

O Presente da Águia

A águia vôa livremente enquanto permanecemos em nosso sono profundo. Pudera cada um de nós voar feito a águia e enchergar com os seus olhos atentos q lá do alto td conseguem captar, mesmo há enormes distâncias.

Não nos é impossível chegar até lá para q possamos escutar os segrêdos da águia, no entanto entre nós e ela há um abismo escuro e profundo q precisa ser vencido e para isto só podemos contar com os nossos instintos, como um lôbo q confia plenamente nos seus, pq em meio a escuridão e ao mêdo sómente eles poderão nos conduzir, vencendo os obstáculos, até o outro lado e p/ o alto, deixando p/ trás todas os velhos conceitos e as cascas que nos impedem de enchergar com maior nitidez e q outrora nos impediria de receber “O Presente da Águia”. simbologia animal está profundamente gravada no inconsciente coletivo da humanidade.

Herdamos sentimentos e recordações inconscientes que condicionam nosso comportamento consciente.

Nas religiões antigas existem registros de rituais do homem e do animal em todos os hemisférios. Exemplos como Ganesha, a divindade hindú, forma humana com cabeça de elefante; no Egito, Thot, forma humana com cabeça de falcão; o peixe e a ovelha no cristianismo.

Na mitologia grega, entre os fenícios, maias, aztecas, indios norte-americanos, na Siberia, nos cultos africanos, no Perú, entre os aborígenes australianos, entre os esquimós, índios brasileiros, no taoísmo e etc.

Nos contos Jakata conta-se que Buda em seu “Grande Despertar “ lembrou-se de encarnações animais.

Jesus, um dia, disse aos seus discípulos : “Eis que vos enviou como ovelhas no meio de lobos; portanto, sede espertos como as serpentes e simples como as pombas “. (Mateus, 10:16 )

A história também faz registros do Sermão aos Peixes, de Santo Antonio e São Francisco pregando a palavra de Deus aos pássaros.

o símbolo dos Quatro Evangelistas: Mateus, o Anjo ou o Homem, marcando o nascimento de Cristo; Marcos, o Leão, seu Evangelho começa no deserto; Lucas, o touro, iniciando com Zacarias, que sacrificou o Gado; João, a Águia, porque através dela o Espírito de Deus se manifesta.

Na astrologia os símbolos astrológicos são animais. Na astrologia chinesa idem. Nos chacras, há para cada vórtice um animal que carrega o bija ( semente ) . A Kundalini é representada por uma serpente.

A simbologia animal também está presente em todas as linhas de ocultismo, na alquimia, nas cartas de tarô, nas runas, no I Ching, etc.

LÉO ARTÉSE

ANIMAL DE PODER

Aguia – Iluminação, a visão interior, invocada para podêres xamânicos, coragem, elevação do espírito a grandes alturas.

Aranha – Criatividade, a teia da vida, manifestação da magia de tecer nossos sonhos.

Baleia – Registros da Mãe Terra, sons que equilibram o corpo emocional, origens.

Beija-flor – Mensageiro da cura, amor romântico, claridade, graça, sorte, suavidade.

Borboleta – Auto-transformação, clareza mental, novas etapas, liberdade.

Búfalo – Sabedoria ancestral, esperança, espiritualidade, preces, paz, tolerância.

Cavalo – Poder interior, liberdade de espírito, viagem xamânica, força ,clarividência.

Cachorro – Lealdade, habilidade para amar incondicionalmente, estar a serviço.

Cobra – Transmutação, cura, regeneração, sabedoria, psiquismo, sensualidade.

Coiote – Malícia, artifício, criança interior, adaptabilidade, confiança, humor.

Coruja – Habilidades ocultas, ver na escuridão, a vigília, a sombra, sabedoria antiga.

Elefante – Longevidade, inteligência, memória ancestral, proteção, auto-suficiencia.

Falcão – Precisão, preces ao Universo, mensageiro, olhar em volta, observar a distância.

Gato – Entendimento sobre mistérios, sensualidade, limpeza, visões místicas, independência.

Golfinho – Pureza, iluminação do ser, sabedoria, paz, amor, harmonia, comunicação.

Leão – Poder, força, majestade, prosperidade, nobreza, liderança, coragem, segurança.

Lobo – Amor, relacionamentos saudáveis, fidelidade, generosidade, ensinamento.

Morcego – renascimento, iniciação, reencarnação, habilidades mágicas.

Onça – Espreita, proteção do espaço, silêncio, observação, precisão.

Pantera – mistério, sensualidade, sexualidade, beleza, sedução, força, flexibilidade.

Sapo – Evolução, limpeza, transformação, mistério, humor, emoções.

Tartaruga – estabilidade, organização, longevidade, honra, paciência, sabedoria.

Animal de poder…

Os animais são vistos como arquétipos, símbolos de energias que existem e que podemos encontrar e manifestar dentro de nós.

A sabedoria existente em um animal específico, não está necessariamente ligada com sua aparência ou com os pré-conceitos e crenças criados a respeito do mesmo pelo homem.

Cada pessoa tem seu “animal de poder” ou “totem”, que corresponde às características que aquela pessoa necessita desenvolver, aprender e manifestar em si em determinado momento de sua vida. O animal de poder é requisitado em todos os trabalhos xamânicos.

O animal de poder é que escolhe a pessoa e não o contrário. É importante não deixar que o ego interfira no seu processo de encontro com o animal de poder. Muitas vezes a pessoa deseja que seu animal de poder seja o mais bonito ou mais forte em sua opinião, e esses desejos do ego acabam atrapalhando a apresentação do animal que ela realmente necessita.

É importante lembrar que nenhum animal é melhor ou pior que outro.

Uma vez que se descobre o animal de poder, devemos estabelecer um relacionamento com o mesmo. Deve-se invocá-lo para realizar suas tarefas, visualiza-lo freqüentemente perto e dentro de você, e buscar aprender a desenvolver e manifestar suas características.

* Lembrar que ao invocar o animal de poder, não invocamos algo que vem de fora, e sim aquele animal dentro de nós.

Apesar de todos termos um totem específico, outros animais podem se apresentar para determinada pessoa, dependendo do trabalho que a mesma está realizando.

É muito importante estarmos atentos aos sinais e mensagens que o arquétipo do animal está nos passando. Eles podem aparecer em sonhos, jornadas, no seu dia a dia, na mente, etc…

Também é importante estarmos atentos para a forma que a animal se mostra: tamanho, estado de espírito, cor, saúde, olhar , movimento, etc… Para aprofundarmos nas características de um animal e compreendermos a completude do que ele tem para nos dizer, é interessante estudarmos o anima: seu habitat, hábitos, o que come, medos, presas…

“Depoimento de um índio – Sitting Bull – Grande chefe sioux, durante o marcha norte-americana para a conquista do oeste. “Quando nós índios, matamos animais utilizados na alimentação, comemos a carne toda. Quando arrancamos raízes, fazemos pequenos buracos. Sacudimos as pinhas e pinhões em vez de deitar as árvores abaixo. Só utilizamos madeira morta. Mas os brancos sulcam o solo, arrancam as árvores, matam tudo, Árvore diz: Não o faças; estou sofrendo, não me magoes. Mas eles abatem-na e cortam-na em bocadas. O espírito da terra um dia se levantará contra eles… …

Os índios nunca ferem nada, mas os brancos destroem tudo, dinamitam rochedos e deixam-nos espalhados pelo chão. A rocha diz; Não o faças, estás a me magoar. Mas os brancos não ligam. Quando os índios se servem de pedras, utilizam pedras pequeninas e redondas para fazer as suas fogueiras e cozinhar… Como pode o espirito da terra gostar do homem branco? Onde o branco lhe tenha tocado ela está triste…”

REIKI XAMÂNICO

“Os Curandeiros Nativos se valem do poder espiritual nas curas. Extraem esse poder de fontes múltiplas que vão desde o Grande Espírito, do seu próprio interior, ou ainda de forças e potências físicas e espirituais da natureza… O Falcão é uma fonte de poder espiritual… O Urso é médico por ser sábio… O Beija Flor é doutor em enfermidades mentais… O Pica-pau trabalha com o fogo… O Lobo é capaz de restrear as causas de qualquer enfermidade… O Vento sopra para longe as doenças, as Nuvens e a àgua purificam e Árvores funcionam como agentes ativos de cura. A Serpente penetra no corpo, sonda a causa da moléstia e a devora.”

(Médico Urso Pardo do Lago)

NAMASTÊ

A palavra Namaste (pronuncia-se Namastê) é composta de duas palavras sânscritas: Nama (reverência, saudação) e Te, que significa você. Em síntese é saúdo a você, de coração, ao que deve ser retribuído com o mesmo cumprimento. Pelos meios esotéricos acabou ganhando o significado floreado de “O Deus que habita em mim saúda o Deus que há em você”.

O gesto do Namaste, conhecido pelos budistas como Anjali mudra, consiste no simples ato de juntar as palmas das mãos ante o coração (ou mais precisamente o chakra do coração), e inclinar levemente a cabeça. Metaforicamente, os cinco dedos da mão esquerda representam os cinco sentidos de karma, enquanto os da direita representam os cinco órgãos do conhecimento. Significa então que mente e coração devem estar em harmonia, para que nosso pensar e agir estejam de acordo com o Dharma. Também é um reconhecimento da dualidade que existe no mundo e sugere um esforço de nossa parte para trazer essas duas forças unidas em equilíbrio.

Somos as únicas criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo que pensamos e sentimos!

Nossas células estão constantemente bisbilhotando nossos pensamentos e sendo modificados por eles.

Um surto de depressão pode arrasar seu sistema imunológico;

apaixonar-se, ao contrário, pode fortificá-lo tremendamente.

A alegria e a realização nos mantém saudáveis e prolongam a vida.

A recordação de uma situação estressante, que não passa de um fiode pensamento, libera o mesmo fluxo de hormônios destrutivos que o estresse.

Quem está deprimido por causa da perda de um emprego projeta tristeza por toda parte no corpo – a produção de neuro transmissores por parte do cérebro reduz-se, o nível de hormônios baixa, o ciclo de sono é interrompido, os receptores neuropeptiídicos na superfície externa das células da pele tornam-se distorcidos, as plaquetas sanguíneas ficam mais viscosas e mais propensas a formar grumos e até suas lágrimas contêm traços químicos diferentes das lagrimas de alegria.

Todo este perfil bioquímico será drasticamente alterado quando a pessoa encontra uma nova posição.

Isto reforça a grande necessidade de usar nossa consciência para

criar os corpos que realmente desejamos.

A ansiedade por causa de um exame acaba passando, assim como a depressão por causa de um emprego perdido.

O processo de envelhecimento, contudo, tem que ser combatido a cada dia.

Shakespeare não estava sendo metafórico quando Próspero disse: “Nós somos feitos da mesma matéria dos sonhos.”

Você quer saber como esta seu corpo hoje? Lembre-se do que pensou ontem Quer saber como estará seu corpo amanhã? Olhe seus pensamentos hoje!

Ou você abre seu coração, ou algum cardiologista o fará por você!

DEEPAK CHOPRAQUE ESSA ORAÇÃO INDÍGENA ILUMINE O SEU CICLO DE VIDA:

“Do Leste, de onde chega a luz. Ilumine-me! Do Sul, onde o Sol está forte. fortifique-me! Do Oeste, onde o Sol se põe. transforme-me! Do Norte, onde o Sol descansa. informe-me! Céu, Dê-me Poder. Mãe Terra, Nutra-me!!!!”

excluir

OM MANI PADME HUM

A Jóia de Lótus

OM

Elevemos-nos acima das dimensões de Corpo, Fala e Mente

Às vezes, em nossa vida, experimentamos distúrbios e emoções negativas que nos tiram de nossa natureza verdadeira. OM nos dá a possibilidade de transformá-las, de purificá-las. Pode também ser traduzido como essência de toda forma de esclarecimento.

MANI

Significa jóia

Simboliza a busca para alcançar a iluminação

a compaixão e o amor.

PADME

É a flor de lótus

a flor que cresce na água e que mostra exatamente como ela é

uma visão na realidade, a flor da sabedoria e do entendimento

HUM

Representa o espírito do esclarecimento

Produz o efeito de estabilização e purificação do espírito

O mantra OM MANI PADME HUM – a energia pura da compaixão que existe em todos os seres

Pronunciá-lo na meditação ou usá-lo inscrito, nos torna fortes o suficiente para evitar que outras pessoas o perturbem de qualquer maneira.

NAMASTÊ,

MIGUEL COSTA

O Importante

não é apenas o viver, mas o conviver;

não é apenas o dar, mas o dar-se;

não é apenas o agradecer, mas o apreciar;

não é apenas o sorrir, mas o irradiar sorrisos;

não é apenas o amar, mas o viver amor;

não é apenas o questionar, mas o tentar compreender;

não é apenas o aceitar, mas o incorporar;

não é apenas o estender a mão, ou o abrir a porta,

mas o dar a mão, o convidar a entrar.

O Importante

não é tanto fazer um amigo, mas o ser um amigo;

não é tanto o estar presente, mas o não fazer-se ausente;

não é tanto o consolar, mas o estar solidário;

não é tanto o vencer, mas o seguir lutando

(aí se escondem as verdadeiras vitórias).

O Importante

não é o possuir, mas o liberar;

não é o dividir, distribuir; mas o compartilhar;

não é o competir, mas o acompanhar;

não é o criticar, mas o orientar;

não é o aparecer, mas o comparecer;

não é o chegar, mas o prosseguir;

não é dar soluções, mas opções;

não é o sentir saudades, mas o poder alegrar-se no que já foi

(transformando-o assim num presente eterno,

onde tempo e espaço se fundem e se sublimam).

O Importante

não é o quanto, mas o tanto.

O Importante

é

aprender a ver além do que os nossos olhos vêem,

aprender a ouvir além do que os nossos ouvidos ouvem,

aprender a tocar além do que as nossas mãos alcançam,

aprender a dizer além do que os nossos lábios articulam,

aprender a amar além do que o coração imagina possível.

É só falar em massagem que somos tomados por uma deliciosa sensação de aconchego, cheia de carinho e cuidado. Não fica difícil pensar em coisas boas quando imaginamos o poder que o toque exerce sobre nós.

Porque isso acontece?

Ela é capaz de evocar dentro de nós a memória de quando estávamos totalmente protegidos e envolvidos no calor do nosso útero materno, lá estávamos em perfeito estado de contemplação e paz. Quando sentimos o calor desse toque proporcionado pela massagem é despertado dentro de nós essa memória e podemos novamente desfrutar desse estado tão especial que um dia experimentamos. E como tudo isso é importante no nosso atribulado dia-a-dia!

A turbulência e o caos do nosso cotidiano nos faz perder de vista essa sensação de unicidade, de pertencer a algum lugar, a sensação do colo, do acolhimento.

Ficamos carentes, agitados, como se não tivéssemos um chão, não conseguimos estabelecer um foco e nem tomar decisões com segurança. Por isso que a massagem é tão fundamental para nosso equilíbrio e bem estar.

Ela nos lembra da nossa sensação de totalidade, de pertencer ao Todo, nos deixando centrados e inteiros novamente. E massagem nada mais é do que toque com consciência, ou seja, quando você toca, você está presente, conectado a pessoa que é tocada. Podemos acolher, nutrir, amparar e transmitir todo nosso amor, tudo com um simples toque. Não importa muito se você utiliza alguma técnica ou não, o que vai fazer mesmo a diferença é a sua intenção, é a consciência de tudo isso que a massagem pode significar e proporcionar ao outro.

Saiba que a massagem é algo muito natural para nós, podemos fazê-la de forma muito intuitiva. Já reparou que quando uma criança se machuca a dor não melhora enquanto a mamãe não passa sua mão sobre o machucado? Por que será? Nós precisamos desse contato, e é natural que levamos esse toque onde seja necessário no nosso corpo.

Assim, experimente se utilizar desse maravilhoso recurso no seu dia a dia. Deixe que seu coração te guie através das tuas mãos.

A massagem ayurvédica nasceu na Índia há muitos milênios, oriunda da cultura veda. O método foi transmitido de geração em geração pela tradição oral, de mestre para discípulo, e é praticada até os dias de hoje. Trata-se de uma das mais completas técnicas naturais para restabelecer o equilíbrio físico e psíquico, sendo empregada tradicionalmente por diversos povos.

Ayur significa vida e veda significa conhecimento.

É a ciência da vida. Trata-se, antes de tudo, de uma arte. Seus movimentos são dinâmicos e belos, seja para quem aplica como para quem recebe a aplicação. É utilizada por homens e mulheres de

qualquer idade, estimula as circulações sangüínea e linfática, proporcionando relaxamento, além de oxigenação e nutrição das células. O objetivo desta técnica é ativar a energia vital e proporcionar um realinhamento postural energético através de determinadas abordagens.

São técnicas ancestrais de

transformação pessoal e espiritual que têm o corpo como veículo. A técnica vem sendo utilizada na fisioterapia, na psicoenergética, na bioenergética, na psicoterapia corporal, na estética e na psicologia, por todos aqueles que vêem o corpo como forma subliminar de evolução. Os efeitos benéficos para a saúde, o bem-estar físico, psíquico, mental e espiritual ficam nítidos imediatamente após as primeiras sessões. Ingressemos, portanto, no fantástico mundo da massagem ayurvédica. Nosso objetivo é levar aos profissionais que trabalham com beleza e saúde, e ao público em geral, os benefícios que a prática pode proporcionar à população, oferecendo um atendimento terapêutico e estético abrangente.

Os rishis (sábios da antiga Índia) entenderam o mundo a partir dos cinco elementos e, ao criarem o Ayurveda, o sistema de cura, descreveram estes elementos de forma mais simplificada caracterizando três energias vitais os doshas. Em geral, nenhum indivíduo é apenas uma constituição, porque cada dosha comporta uma qualidade de outro dosha.

Conhecer a sua constituição é muito importante para prever o tipo de desequilíbrio que pode deixar uma pessoa enferma e quais as doenças a que está exposta. Eis as características de cada uma:

Constituição Vata: Os indivíduos de constituição Vata tendem a ser franzinos e esguios. Sua pele é fria, áspera e seca. São de estrutura delicada e possuem cabelos escassos. São ativos, agitados e criativos; flexíveis, mas tendem à dispersão mental. Sofrem de ansiedade.

Constituição Pitta: Os indivíduos de constituição Pitta são de estrutura média, esbelta e tendem a ter o peso moderado. A sua pele é clara ou próxima ao tom cobre. O cabelo é fino e sedoso. São inteligentes e perspicazes, ambiciosos e tendem a ser líderes natos. São bons oradores e apreciam a prosperidade material. Sofrem sentimentos de raiva, ódio e ciúme.

Constituição Kapha: Os indivíduos de constituição Kapha são de estrutura grande, com tendência ao excesso de peso. A sua pele é fina e seus cabelos abundantes. São pacientes, calmos e sempre dispostos. Sofrem sentimentos de ganância, inveja e possessividade.

Massagem Ayurvédica

Há cerca de 6000 (seis mil) anos atrás, a ciência da Ayurveda começou na Índia.

A massagem ayurvédica é uma vigorosa massagem que estimula os músculos e a circulação, liberando as toxinas presas aos músculos e tecidos.

Através de toques profundos com as mãos, cotovelos e pés, a massagem Ayurvédica propicia um realinhamento postural, alívio de tensões (por vezes crônica) no corpo físico, fortalece o sistema imonológico, e tem efeitos anti-stress e anti-depressivos.

Contando com alguns alongamentos, proporciona uma maior flexibilidade do corpo e mobilidade nas articulações, possibilitando o circuito livre da energia vital.

Tem efeito terapêutico também a nível dos corpos emocional, mental e espiritual. As emoções, conceitos, crenças e experiências vivenciadas e contraídas no corpo, são “tocadas” e liberadas, propiciando um profundo processo de auto conhecimento e transformação interna e externa, a partir da consciência corporal.

É um poderoso sistema de tratamento para harmonização, balanceamento e vitalização do ser, além de ter uma atuação específica em problemas crônicos e agudos localizados em diversas áreas do corpo, sempre de uma forma natural e consciente.

Normalmente as pessoas que recebem sessões de Massagem Ayurvédica experimentam uma grande sensação de bem estar, relaxamento, tranquilidade, sono profundo e um novo ânimo.

A ayurvédica é indicada ainda para vários casos, tais como: dores musculares, enxaquecas, dores reumáticas, problemas de coluna, má postura, fortalecimento do sistema imunológico, stress, depressões, síndrome do pânico, etc.

Como resultado dos tratamentos ayurvédicos, muitas pessoas relatam que seus olhos passaram a ter mais brilho, sua pele ficou mais limpa, mais luminosa, enfim, que uma nova luz passou a brilhar em todo o seu ser.

Quando a energia natural de cada ser tem a liberdade de fluir naturalmente, exactamente como deve ser, a pessoa experimenta reacções luminosas em todo o seu corpo, facto que promove alegria, prazer e beleza.

A massagem pode ser aplicada em qualquer pessoa, de qualquer idade.

A partir do tratamento ayurvédico, energias são desbloqueadas e passam a fluir naturalmente pelos canais naturais do corpo todo: físico, emocional e mental.

Indicações:

Minimização de problemas, como circulação,

edemas musculares, respiratórios, digestivos,

intestinais, fadiga crônica, reumatismo, nevralgia.

Muito bom resultado em fibromialgias,

favorece maior resistência física, o sono

e os órgãos sensoriais e motores.

Auxilia o intelecto, melhorando a memória

e a capacidade de aprendizagem. Aumenta

a auto estima e diminui o stress, devido ao estado

de relaxamento que a pessoa alcança

ao receber a massagem.

Ao friccionar, comprimir e pressionar a musculatura,

e ao manipular os pontos de pressão, o terapêuta intensifica

a circulação do sangue, da linfa e dos hormônios

que, por sua vez, fortalecem os sistemas nervoso

e imunológico, retardando o envelhecimento.

Todo e qualquer ser humano que não se encontre

em estados fisiopatológicos comprometedores,

pode e deve realizar a massagem com o objetivo

de prevenir desequilíbrios de sua saúde física,

emocional, mental e espiritual.

DRENAGEM LINFÁTICA

A drenagem linfática é uma modalidade de massagem cujo objetivo principal é a redução de edema (inchaço). Suas manobras facilitam a drenagem do edema, que é composto de líquidos que extravasam dos vasos linfáticos (linfas) e ficam acumulados nos tecidos. É útil em toda alteração que envolva inchaços e retenção de líquido. Suas manobras são originalmente suaves, lentas e seguem o trajeto do sistema linfático.

A drenagem traz benefícios nos casos de edemas pós-operatórios de cirurgias plásticas (faciais e corporais), de pós-mastectomia – reduzindo o inchaço nos braços -, celulite, retenção hídrica e gravidez. Também parece favorecer a diurese (produção de urina) e a eliminação de toxinas.

O que é linfa?

Linfa é o nome que se dá ao fluido que circula nos vasos linfáticos, constituído por água, uréia, células do tipo linfócitos (que conferem imunidade), sais e proteínas. Os vasos sanguíneos liberam sangue entre os tecidos, “regando-os”, oxigenando-os e alimentando-os. Os vasos linfáticos sugam de volta parte desse líquido excedente, já com resíduos metabólicos, toxinas que o organismo desprezou e eliminou. Este líquido, chamado linfa, é, portanto, o fluido que sobra, depois que os tecidos foram “lavados” e alimentados pelo sangue. A perfeita drenagem desse líquido impede edemas (inchaços) e retenção excessiva e tem função de defesa imunológica. A drenagem linfática facilita esse processo, acelerando-o.

Tem que doer e ficar roxo para funcionar?

Tradicionalmente, a drenagem linfática tem efeito relaxante, agradável e proporcionaria até um certo torpor, sendo suave e ritmada. Sabe-se que ela facilita a dissolução dos nódulos de celulite e gordura localizada. Nos últimos anos, aliou-se os benefícios de drenagem dos líquidos à manipulação do tecido adiposo (gordura). Então, o que temos atualmente sob o conceito de drenagem linfática, na realidade, é uma massagem que atinge esses dois alvos – o linfático e o gorduroso. Enquanto o primeiro requer apenas manobras suaves, o segundo exige certa energia e pressão mais forte para ser bem efetivo: é a drenagem linfática-adiposa. Se a finalidade está focada na gordura e celulite, o procedimento pode doer um pouco e deixar alguns hematomas, graças à manipulação do tecido adiposo, com manobras mais firmes e enérgicas.

Como ela age especificamente com a celulite?

A celulite é formada por gordura, líquido e traves de tecido conjuntivo que aprisionam os nódulos de gordura. Sendo assim, a manipulação da gordura, das traves fibrosas, favorece sua dissolução e metabolização, aumenta a chegada de sangue no local e aumenta as trocas metabólicas – a velocidade de todos estes processos aumenta. Por isso, a retenção de líquido que há na celulite diminui com a drenagem linfática.

E com a gordura localizada?

A manipulação vigorosa da gordura provoca vasodilatação e aumenta a velocidade de metabolização, tendendo à suavização de contornos irregulares e à redistribuição harmônica da gordura, principalmente se aliada à dieta. O metabolismo pode se acentuar nos locais que estão sendo massageados com energia.

E com a flacidez?

A vasodilatação que decorre da simples manipulação favorece a revitalização da derme, com incremento da formação e reorganização do colágeno, conferindo mais firmeza à pele. Já no tônus muscular o efeito é discutível: na verdade, teria ação repousante, corrigindo tensões nos músculos, espasmos e contraturas.

A drenagem manual, quando feita com habilidade e conhecimento, é mais efetiva. Por ser mais personalizada, atende às necessidades específicas de cada paciente, levando em conta suas particularidades e prioridades. Porém, com o aumento da demanda e escassez de tempo, cada

vez mais surgem equipamentos que buscam atingir um grande número de pessoas num tempo otimizado, num esquema mais prático.

É preciso creme para a massagem?

A principal finalidade do creme é facilitar o deslizamento das mãos da massagista. É claro que produtos com princípios ativos que possam aumentar a queima de gordura, hidratar, ativar o metabolismo e diminuir a retenção de líquido são bem-vindos, especialmente nos minutos finais da massagem, deixando-se permanecer por algum tempo após o término da sessão. Estes princípios ativos são: thiomucase, cafeína, remoduline, triac, oxandrolona, uréia, iodeto de potássio, mentol etc.

Qual o tipo físico que mais se beneficia com a drenagem?

Os resultados quanto à celulite e gordura são mais nítidos nas mulheres de tipo físico curvilíneo, típico das brasileiras, que geralmente retém líquido e acumula gordura em torno de quadris e coxas, tem pernas mais grossas e braços roliços. Essas mulheres tendem a oscilar a retenção de acordo com a fase menstrual e notam muita diferença de acordo com o que ingeriram na véspera (sal, carboidratos etc). Já as pessoas com edemas pós-cirúrgicos, pós-traumáticos e por má circulação podem ver resultados mais rápidos em relação à melhora do inchaço do que as que têm a gordura e celulite como preocupações principais.

Quantas sessões são necessárias para primeiros resultados?

Gordura localizada: no mínimo 10 sessões.

Celulite sem excesso de peso: no mínimo 5 sessões.

Celulite com excesso de peso: no mínimo 10 sessões.

Edemas (inchaços): melhoram após a terceira sessão.