O primeiro fator de revolução da consciência é a morte mística do ego – a morte do pensamento negativo, personalidades negativas. Devemos purificar a alma dos inimigos internos. Toda vez que um defeito se manifesta – a inveja, gula, ira, luxúria, qualquer que seja – devemos perguntar: ‘Será que eu realmente preciso invocar isso?’
– Willaru Huayta, NAÇÃO QUECHAU, PERU

Nossos egos têm defeitos de caráter. Estes defeitos de caráter que às vezes agem fora e que invariavelmente trazem resultados devastadores para as nossas vidas que podemos não estar desejando. Se continuarmos a permitir estes defeitos de caráter, continuaremos a ter resultados indesejados em nossas vidas. Como podemos mudar a nós mesmos ou se livrar de um defeito de caráter? Podemos perguntar isso ao nosso coração, e tomarmos uma decisão. Estaremos assim, honrando o nosso coração. Por exemplo, digamos que eu tenha hoje o sentimento de raiva. Eu iria para o coração e perguntaria, se eu preferiria estar certo ou se eu prefiria ser feliz? Da maneira pela qual respondermos a esta pergunta, poderá haver um enorme impacto em nosso dia. Uma vez que decidirmos a resposta a esta pergunta, precisamos honrar o coração dizendo: “Obrigado pelo poder de mudar meus pensamentos. Eu escolho ser feliz e experimentar a Paz de Espírito.”

Grande Espírito, hoje, deixe-me ensinar e aprender apenas o amor
– Willaru Huayta, QUECHAU NATION, PERU


Anúncios